Imagem: Instagram Kei Kobayashi / @davidcoulonphotographe

Além de "Kei", aberto por Koyabashi em 2011 no centro de Paris, a nova edição do guia coroou com três estrelas outros dois restaurantes: "L'Oustau de Baumanière" (na Provença, sudeste), do chef Glenn Viel, e o estabelecimento que leva o nome de seu chef Christopher Coutanceau, em La Rochelle (oeste).

Kobayashi junta-se, assim, a Colagreco, que desde o ano passado conta com três estrelas Michelin, tornando-se o único argentino a ter essa conquista. O "Mirazur" é desde junho passado o "melhor restaurante do mundo" segundo o 50 Best britânico.

O japonês revela ter conservado de seu país de origem o gosto pela "estética, precisão, harmonia das cores, delicadeza dos sabores e ao natural".

Da cultura gastronómica francesa, ficou com "o equilíbrio perfeito entre sabores e texturas".

O guia compreende 628 restaurantes com estrelas, quatro a menos do que no ano passado. No total, há 29 com três estrelas na França.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.