A nova regra da plataforma iFood bloqueia nomes de pratos tradicionais por serem supostamente contra os termos de utilização. Assim, pedir a tradicional através desta aplicação "batata a murro" ou uma "punheta de bacalhau" tornou-se impossível após a última atualização da política de utilização deste plataforma de entregas.

A situação foi denunciada pelo Chef Alexandre Henriques, do restaurante de gastronomia portuguesa Gruta De Santo Antônio, no Rio de Janeiro. Segundo o jornal diário de notícias brasileiro, os pratos foram retirados da plataforma sem qualquer aviso.

"Não poderemos usar mais a descrição batata a murro no prato Bacalhau Lagareiro, na aplicação iFood, pois, pelo código de conduta, este nome tradicional é ofensivo", publicou Alexandre Henriques, no seu perfil no Instagram.

Na publicação, é possível ver' uma conversa com a plataforma, onde é explicado que o motivo do cancelamento do prato é que a palavra “murro” é um termo que se refere a agressão e que deveria ser eliminado ou substituído.

Segundo Alexandre Henriques, o caso tornou-se viral e outros donos de restaurantes relataram o mesmo problema. "Teve um que disse que pediram para mudar ‘punheta de bacalhau’. É também um prato típico português. Como vai definir? Dizer que um bacalhau cru desfiado à mão com temperos não é punheta?" disse Alexandre em declarações ao jornal Globo.

Os acepipes também foram banidos do iFood e, embora a plataforma não tenha dado uma explicação, os donos dos restaurantes acreditam que talvez tenham dado uma conotação fálica às sílabas "pipe".

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.