Situada perto da fronteira com a Bélgica, Lens preserva uma influência flamenga distinta. No centro da cidade, a Place Jean-Jaurès é um testemunho dessa proximidade geográfica e cultural, com as suas casas coloridas e lojas típicas. O passado comercial da cidade é claramente visível na Boulevard Emile Basly e na Rue Lanoy, as duas principais artérias comerciais da cidade. Na praça destaca-se a Église Saint-Léger, que foi reconstruída tal como era originalmente depois de ter sido destruída durante a Primeira Guerra Mundial.

Na verdade, a história desta região está inextricavelmente ligada aos eventos da Primeira Guerra Mundial. O Centro de História Guerra e Paz Lens 14-18é um lembrete desse período sombrio na história da região, oferecendo uma coleção única que fornece a chave para a compreensão dos eventos e batalhas da Primeira Guerra Mundial que aconteceram em Pas- de-Calais, ao mesmo tempo que presta homenagem aos cerca de 580 mil soldados que pereceram durante o conflito. As forças alemãs ocuparam a região de Pas-de-Calais no início da guerra e Lens permaneceu nas mãos da Alemanha até à retirada das tropas em 1918, que deixaram para trás uma cidade em ruínas.

Lens
Lens. Sur la place Jean Jaurès. Guillaume Baviere @Flickr créditos: Flickr

Passo a passo, Lens foi reconstruída por forma a ser-lhe devolvido o charme que apresentava anteriormente à guerra. Em pleno pico dos dourados anos 20 na Europa, novos prédios em Art Déco surgiram um pouco por toda a cidade. A estação ferroviária é o maior exemplo deste estilo arquitectónico, apresentando-se com um perfil que se assemelha a uma locomotiva a vapor. No interior, mosaicos de inspiração cubista da autoria de Auguste Labouret evocam o passado industrial e mineiro da cidade. De resto, durante anos, Lens viveu de e para o carvão, uma atividade que transformou radicalmente a paisagem da região e o modo de vida da população. Atualmente a cidade homenageia esse passado ligado à extração do carvão através da Base 11/19, um preservado local de mineração que permite obter um vislumbre de como era a vida numa vila mineira.

Louvre Lens
Louvre Lens | Astormfr @ Dreamstime.com créditos: Dreamstime

O Louvre Lens, uma filial do Museu do Louvre de Paris, é uma das maiores atrações da cidade, oferecendo uma visão abrangente das coleções existentes no primitivo Louvre, desde a antiguidade até ao período moderno. Localizado num edifício futurista marcado pelo vidro e pelo alumínio, e que contrasta com a paisagem envolvente, o museu de Lens recebe ainda exposições temporárias com peças provenientes do Museu de Paris.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.