O Hainan International Media Center (HIMC) convidou um grupo de artistas de corte de papel, incluindo Huang Haitao e Wei Qin, que ganharam reconhecimento especial do Governo de Hainan pela sua experiência, para criar conjuntamente a estrada de 100 anos e a Maré Hainan, um pergaminho de 22 metros que apresenta 21 eventos de marco no desenvolvimento de Hainan nos últimos 100 anos desde 1921.

Por que escolher corte de papel como meio? Porque além do seu charme único, a arte é uma herança cultural intangível na China. O grupo demorou um mês para criar a obra-prima nas tradicionais cores vermelho e branco.

"É o trabalho de corte de papel mais longo que já fiz e também o mais desafiador", disse Huang Haitao, que tem quase 20 anos de experiência. Descreveu como trabalhou na sua parte do pergaminho sentada numa mesa comprida no seu estúdio. Primeiro, teve que delinear meticulosamente o desenho, incluindo minúsculos aglomerados de folhas de coco, menores do que as suas unhas, no papel com um cortador. Em seguida, suavemente pressionava cada um com a ponta das unhas e cortava cuidadosamente a forma ao longo do esboço, pouco a pouco.

Huang Haitao
Huang Haitao, que liderou a equipa de recorte de papel, mostra a parte do pergaminho de 22 metros que retrata a conferência do Fórum Boao para a Ásia. (Photo/HIMC) (PRNewsfoto/Hainan International Media Center (HIMC))

A 28 de maio associou-se a vários outros artistas e, após cuidadosa consideração, escolheram os 21 eventos-chave que seriam retratados. Incluíam a Base Revolucionária da Montanha Murui , onde o berço da revolução Hainan permaneceu firme e o Destacamento Vermelho de Mulheres, uma unidade especial de guerrilhas femininas que mais tarde inspirou óperas, balés e até mesmo um filme. A vitória na campanha de libertação da ilha Hainan em 1950 também é apresentada no pergaminho.

Os eventos históricos mais recentes incluem a criação de Hainan como província em 1988, e o subsequente estabelecimento da Zona Económica Especial de Hainan e o lançamento do plano diretor para o Porto de Livre Comércio de Hainan.

O pergaminho consiste em 18 folhas unidas, de 60 a 130 cm de comprimento e 68cm de largura.

Os desenhos são a espinha dorsal do pergaminho. A maioria dos ambientes inclui plantas locais como coqueiros e figueiras. A arquitetura retratada reflete a transformação dos chalés de palha na comunidade étnica Li que vive na ilha até a construção moderna simbolizada pela Ponte do Século.

A 29 de junho, o pergaminho foi finalmente montado. "Embora o trabalho tenha sido extremamente difícil, conseguimos com os esforços conjuntos da nossa equipa", disse Huang Haitao. "O que me fez pensar no poder da nação trabalhando em solidariedade para superar todas as dificuldades até que a vitória seja alcançada finalmente."

Veja aqui o documentário sobre como foi feito o pergaminho.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.