O turista pagou 25 euros por um gelado de bola única e depois avisou o guia italiano sobre o valor elevado. O guia queria ver a lista de preços, mas o restaurante não os tinha em local visível. O guia, então, fez queixa à polícia municipal, que foi ao local e descobriu que a lista de preços estava escondida atrás do balcão, embora seja obrigatório, por lei, que seja claramente visível para o público.

Quando questionado sobre o alto valor apresentado, o restaurante justificou o valor pela "alta qualidade" do produto. O restaurante foi multado em 2 mil euros pela Arma dos Carabineiros - uma das quatro forças armadas da Itália e uma das cinco forças de segurança - por custo abusivo.

A penalidade deveu-se ao facto dos proprietários terem escondido a lista dos preços atrás do balcão tendo, assim, enganado o consumidor. Essa prática, segundo explicou o oficial Elio Covino ao jornal La Repubblica, "é muito comum e cria uma má impressão em todo o mundo, já que os turistas são as principais vítimas".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.