Por mais bem planeada que esteja uma viagem, a verdade é que ninguém está imune ao azar. Um seguro de viagem não fará com que o azar não aconteça, mas poderá ajudar a lidar com uma eventual situação menos agradável, de uma forma fácil e prática, algo essencial especialmente quando nos encontramos num país distante quer a nível de localização geográfica, quer a nível de cultura.

Se se vir envolvido num acidente e necessitar de internamento hospitalar, se a situação for grave ao ponto de ter de ser expatriado, se perder um voo ou tiver de o cancelar, se lhe roubarem ou perder documentos importantes ou bagagem, entre muitas outras situações, o seguro de viagem poderá cobrir os custos envolvidos e ajudá-lo a acionar os mecanismos necessários para resolver a situação em causa.


 Quando fazer um seguro de viagem?

O seguro de viagem deve ser feito antes de partir de viagem, para que esteja coberto desde o momento em que apanha o avião rumo ao seu destino. No entanto, poderá sempre comprar, estender e activá-lo, mesmo depois de já ter iniciado a sua viagem. Existem várias opções de seguros de viagem no mercado, pelo que será importante escolher o que melhor se adapta aos seus requisitos. Recomenda-se que o seguro de viagem não seja escolhido apenas tendo em conta o factor "preço", mas sim tendo em conta a abrangência das suas coberturas e eficácia e eficiência da resposta aos segurados em situações de emergência.

Seguro de viagem

Para quem está direcionado um seguro de viagem e quais as coberturas?

Esta questão dependerá sempre da seguradora/agência em questão, mas os seguros de viagem mais completos estão normalmente direcionados para todo o tipo de viajantes, dos mais tranquilos aos mais aventureiros, e a sua cobertura abrange tratamentos médicos e hospitalares no estrangeiro, evacuações de emergência, perda ou roubo de bagagem e documentos e uma série de atividades e desportos de aventura.

Habituais coberturas de um bom seguro de viagem:

  • Assistência médica no estrangeiro
  • Repatriação em caso de emergência
  • Desportos de aventura
  • Roubo e danos de bagagem
  • Roubo e perda de documentos
  • Atraso de voos e perda de ligações
  • Adiantamento de fundos
  • Defesa responsabilidade penal no estrangeiro
  • Despesas de cancelamento de viagem
Seguro de Viagem

Como acionar o seguro?

Poderá acionar o seguro durante a viagem ou após o seu regresso a casa. Caso se trate de uma emergência médica ou de uma eventual necessidade de repatriação, poderá contactar diretamente a agência/seguradora, indicando o número da sua apólice. Nalguns casos o seguro implica a existência de uma franquia e a necessidade de suportar numa primeira instância os custos associados à emergência, valor reembolsado posteriormente ao segurado mediante apresentação de faturas e recibos, mas existem também outros seguros onde a não existência de franquia e o adiantamento de dinheiro para pagamento de despesas poderão facilitar bastante a situação. Terá sempre de procurar a melhor solução para si.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.