Comecemos, então, pela cidade: Setúbal. Sabias que em 2016 o USA Today colocou um mercado Português entre os melhores do mundo? Pois é, o Mercado do Livramento, em Setúbal, não precisa de reconhecimento internacional para mostrar o seu valor, pois é por si só uma pérola. Lá poderás encontrar alguns dos produtos mais frescos de Portugal, em especial peixe e marisco, com uma azáfama que te transportará aos tempos antigos. Os azulejos no interior mostram cenas da vida quotidiana setubalense que te vão oferecer um entendimento mais profundo da vida das suas gentes. Também a praça do Bocage - por muitos considerada o coração da cidade- é, sem dúvida, um sítio a não perder pela sua história e arquitetura ímpares. Para os amantes de cultura, Setúbal é um paraíso, com o Fórum Luisa Todi, a Casa da Cultura e a Casa da Baía, que contam com expressões artísticas nas mais variadas formas, e cada espaço com a sua própria singularidade. Não te esqueças de dar um saltinho à Sé de Setúbal, ao Convento de Jesus ou ao Miradouro de S. Sebastião. Existem muitos outros locais a explorar na cidade, mas o melhor mesmo é perderes-te nas suas ruas, fazeres amizades com as suas gentes e provares um pouco do que é ser setubalense.

A nível natural, Setúbal oferece também uma variedade incomparável. Da Reserva Natural do Estuário do Sado, à Serra da Arrábida, passando pelas suas praias paradisíacas e a península de Tróia, podes encontrar de tudo nesta região. Gostas de golfinhos? Boa, faz a travessia de barco a Tróia e talvez encontres por lá alguns. Gostas de águas límpidas e de natureza crua? Vai até à Serra da Arrábida e desce até à praia dos Galapinhos, ou ao Portinho da Arrábida. Lá encontrarás uma paz ímpar, entre a serra verdejante, o azul do mar, o grito das gaivotas e o chilro dos pássaros. Gostas de vilas mais rústicas? Boa, dá um pulinho a Azeitão e visita uma das suas vinhas, ou a Palmela e passeia pelas muralhas do seu castelo. O que não te faltarão são opções, e não tenhas medo de as explorar todas.

Muito de uma cultura passa pela sua comida e, como nos diz a nossa Rita, “ir a Setúbal e não comer choco frito é um crime”, por isso, recomenda-te que passes pela Casa Santiago e te percas de amores por esta iguaria. Não te esqueças também de provar o belo Moscatel de Setúbal, típico da região, e uma delícia sem igual (mas nada de abusar!).

Aqui, na Gap Year Portugal, encorajamos os nossos gappers a contribuírem com um pouco de si a cada sítio por onde passam. Ser um cidadão do mundo passa por tomar conta dele. Assim sendo, recomendamos-te que pesquises sobre a iniciativa Amar Setúbal, um projeto de voluntariado que visa a recolha de lixo das praias. Caso tenhas interesse, junta-te ao projeto, ou procura outros onde poderás dar o melhor de ti pela região.

Porque é que deves fazer um gap year em Setúbal? A Rita responde-te a essa pergunta: “A minha região consegue "fugir ao ruído" da capital, ao mesmo tempo que apresenta grandes possibilidades de passeio, cultura, etc. É um conciliar entre cidade e campo, numa harmonia perfeita entre cidade e as paisagens da Serra da Arrábida e das praias.”. De que estás à espera? Setúbal está à tua espera!

Texto: Carolina R. de Sousa

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.