A língua portuguesa é o principal fator que une Portugal, Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e São Tomé e Príncipe, mas não é o único. Tradições, hábitos, edifícios e monumentos são algumas das características portuguesas que pode encontrar nesses países.

Para que descubra um pouco da história portuguesa dispersa pelos quatro cantos do mundo faça uma viagem por cada um dos países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa.

São Tomé

São Tomé e Príncipe é um país querido pelos portugueses, conhecido pela receção calorosa e hospitaleira aos visitantes que chegam. As roças de São Tomé são muito conhecidas e também as praias paradisíacas e desertas fazem parte da oferta deste destino. As plantações de café tomam conta da paisagem e o ar quente e húmido é bem característico. Há dois tours obrigatórios por São Tomé: a Rota Sul e a Rota Norte e Centro. A primeira leva os turistas às melhores praias e proporciona uma passagem por locais com gastronomia local. A segunda passa pelas principais roças, como a Agostinho Neto e a Cascata de São Nicolau. Um dos locais a ficar é o hotel Pestana São Tomé à beira-mar, apenas a 1km do centro da cidade.

Praia

Praia, a capital e a maior cidade de Cabo Verde, é uma das principais atrações do país. Fica na Ilha de Santiago, tem edifícios históricos e um mercado famoso, situado num dos bairros mais centrais – o Plateau. Uma das expressões que melhor define Cabo Verde é a morabeza, que caracteriza os locais pela forma como recebem os turistas – com gentileza, felicidade e amabilidade.

A gastronomia de qualquer ilha é incrível, mas na Praia a escolha é tão diversificada que fica difícil tomar uma decisão quando chega a altura da refeição. E, por incrível que pareça, aquilo que melhor define esta cidade é mesmo a quantidade de praias lindas e deslumbrantes, que lhe dão nome. O hotel Oásis Atlântico Praiamar é uma das sugestões para estadia.

cabo verde cidade praia
créditos: momondo

Luanda

A capital angolana, Luanda, é o centro económico do país, o que lhe confere uma importância acrescida na relação com Portugal. A baía da cidade dá as boas-vindas a quem chega e há praias para quem gosta do mar mais calmo ou mais agitado. A natureza e as paisagens soberbas facilitam na altura da escolha dos sítios a visitar. O Miradouro da Lua, um safari, as praias do Mussulo ou o Mercado do Roque Santeiro são algumas das opções de visita. Os ritmos africanos, mais precisamente a kizomba, tomam conta das ruas e contagiam quem por lá passa. Se procura uma estadia descansada e relaxada, o Palmeiras Suite Hotel pode ser uma boa escolha.

Rio de Janeiro

A cidade maravilhosa do Rio de Janeiro, não sendo a capital do Brasil, é uma das suas principais atrações. O clima e o espírito que lá se vivem são aquilo que mais atrai os turistas portugueses. É uma cidade grande e muitos dizem que é intensa, com uma grande mistura de estilos, sendo a zona sul a mais conhecida por ser uma das mais atrativas para passeios. O enorme e famoso calçadão junto às praias é perfeito para fazer desporto ou beber uma água de côco. Desde o Cristo Redentor, ao Pão de Açúcar, passando pelo Leblon e subindo a Escadaria Selarón, há de tudo um pouco, para todos os gostos e todas as carteiras. O samba tem de estar no pé, porque em qualquer esquina é a música que reina. Aqui o Rio Othon Palace é uma boa escolha.

brasil rio de janeiro
créditos: momondo

Maputo

Por fim, chegamos a Moçambique, mais precisamente a Maputo, e o encanto volta a tomar conta de nós. Quem lá passa confirma que é uma cidade emocionante e é impossível tirar o sorriso da cara. Ao contrário do que se pode pensar, é uma cidade calma e segura, por isso ideal para umas férias longe da confusão. As gentes sociais afirmam que a melhor forma de conhecer Maputo é agarrar na mochila e seguir à descoberta, pedindo ajuda e experienciando tudo o que lá se vive. A cor do mar e as praias imensas são de cortar a respiração, sendo quase obrigatórias a da Inhaca e a do Machangulo. O roteiro deve passar pela Feira de Artesanato, Flores e Gastronomia de Maputo, pela Casa de Ferro e pelo Museu Natural de Moçambique. Quanto ao hotel, se pretende ficar na zona central da cidade, recomenda-se o Villa das Mangas Garden Hotel.

moçambique
créditos: momondo

Sugestões: momondo.pt

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.