Quilómetros de pântano, aparentemente sem valor, abrigam uma incrível variedade de vida selvagem que vai desde panteras a elegantes garças azuis, passando por enormes jacarés. Este frágil ecossistema está listado como Património da Humanidade e é uma Reserva Internacional da Biosfera.

Não faltam trilhas para os caminhantes, nem mergulho ou snorkel para os fãs de desportos aquáticos ou praias imaculadas para quem só quer relaxar.

Seja a pé, de caiaque ou de barco, os Everglades merecem uma visita, de preferência no Outono ou no Inverno, quando o número de mosquitos é mais suportável. Em todo o caso se aqui vierem não deixem de trazer protector solar e repelente de insectos. É essencial!

O parque é uma enorme zona húmida alimentada pela água do Lago Okeechobee. No inicio do século XX, foram construídos canais que desviaram água do lago para as cidades e áreas residenciais, e isso alterou drasticamente o ecossistema dos Everglades. Populações de animais selvagens caíram e algumas espécies ficaram à beira da extinção.

Felizmente nos últimos 20 anos, os Everglades passaram por um enorme projecto de restauração. O parque foi ampliado, a água foi novamente direccionada para o Lago e as populações de aves começaram a recuperar.

Como ocupa uma área muito grande, convém planear a visita com antecedência para não perder os lugares mais interessantes do parque.

A secção mais ao sul, localizada entre o Ernest F. Coe Visitor Center e o Flamingo Visitor Center, é um dos pontos mais populares entre os visitantes porque tem trilhas acessíveis e não muito longas, miradouros, e possibilita passeios de caiaque.

Parque Nacional Everglades, EUA
créditos: Travellight e H. Borges

Já Shark Valley, que fica a oeste de Miami, é o lugar ideal para fazer passeios de hovercraft para ver os jacarés. Também é possível andar aqui de bicicleta para observar a vida selvagem.

O Gulf Coast Visitor Center, que está localizado no lado oeste do Parque, na cidade de Everglades, é o melhor local para explorar os Everglades de caiaque.

Podemos iniciar a exploração pelo Ernest F. Coe Visitor Center e aproveitar a informação ali exposta para aprender um pouco mais sobre o parque e depois seguir para o Flamingo Visitor Center - o percurso leva cerca de uma hora de carro e tem bonitas trilhas e miradouros pelo caminho - ou para Shark Valley, um pouco mais longe, mas um dos melhores lugares nos Everglades para observar animais. Este é o local certo para ver tartarugas, pássaros e jacarés e também para fazer um passeio divertido de hovercraft.

Parque Nacional Everglades, EUA
créditos: Travellight e H. Borges

O barco é impulsionado por um ventilador gigante e anda muito rápido, é realmente uma emoção percorrer o pântano daquela maneira.

Mas a rapidez não é a única emoção. O guia e condutor do veículo era um personagem, parecia saído de um filme de animação do Bugs Bunny, tinha um sotaque super engraçado e uma aparência bem caricata, mas era excelente a apontar os pássaros e os vários jacarés que descansam na água rasa.

Se forem à Florida, não deixem de visitar este parque, vale bem a pena.

Sigam as minhas aventuras mais recentes no Instagram e no Facebook 

Artigo originalmente publicado no blogue The Travellight World

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.