Já lá vão 18 anos desde que Leonardo DiCaprio interpretou Richard, um jovem norte-americano em viagem pela Tailândia, que acaba por descobrir um segredo bem guardado: uma praia escondida entre falésias, de águas verdes transparentes. Um verdadeiro paraíso que nos deixou a sonhar depois de assistir o filme "A Praia".

Com o sucesso do filme de Danny Boyle, veio a fama para Maya Bay que, até hoje, continua a ser uma das praias mais procuradas da Tailândia, recebendo cerca de 5 mil turistas por dia que chegam de barco nesta baía das ilhas Phi Phi.

Anos de turismo de massa estão a provocar estragos na natureza do lugar, principalmente, no frágil ecossistema marinho. Assim sendo, as autoridades tailandesas comunicaram o encerramento da praia durante os meses de junho a setembro para permitir a regeneração dos corais.

Maya Bay, Phi Phi, Tailândia
créditos: Yuriy Surov/Wiki Commons

Cerca de 80% dos recifes de corais da Tailândia foram destruídos, de acordo com o vice-reitor da universidade de Kasetsart, em Banguecoque, sendo os principais motivos os hotéis na primeira linha de praia, os barcos e o plástico no mar, cita o The Guardian. A Tailândia recebe cerca de 30 milhões de turistas por ano.

Esta já não é a primeira vez que o país proíbe o acesso de turistas a certos lugares para proteger o meio ambiente. Em junho do ano passado, foi anunciado o encerramento de mais de um terço dos parques nacionais (61 de 147). Nesta altura, a Maya Bay permaneceu aberta aos turistas, apesar de já se saber que os seus corais estavam a ser destruídos.

Também no ano passado, em novembro, tornou-se proibido fumar nas praias tailandesas. A proibição abrange, numa primeira fase, 20 praias, como a famosa Patong, em Puket. Só nesta praia foram encontradas 138 mil beatas de cigarros, de acordo com o Departamento Marinho e Costeiro do país.

O encerramento de parques nacionais, que incluem várias praias conhecidas, como das Ilhas Similian, Koh Lanta, Koh Tachai ou Koh Phi Phi, já tem sido uma prática adotada pelo governo tailandês em anos anteriores. A medida acontece durante a temporada baixa (maio a outubro), aproveitando a época das monções e a menor presença de turistas. O turismo representa cerca de 10% do PIB do país.

Não há como negar a beleza destas praias que está em risco por causa do excesso de turistas. Conheça algumas das praias mais paradisíacas da Tailândia na galeria de fotos:

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.