O Apple Bistro, que fica em Eldorado a 65 quilómetros a nordeste da cidade de Sacramento (oeste dos EUA), foi alertado na passada segunda-feira pelas autoridades de saúde após várias reclamações feitas pelos clientes, que também disseram que a equipa não utilizava as máscaras exigidas por lei.

"Isto não é necessário aqui. Isto talvez não seja para si", diz o aviso na entrada.

Carla Hass, diretora de comunicações de Eldorado, disse à AFP terça-feira que os inspetores de saúde decidiram visitar o local depois de receberem 50 reclamações nos últimos dias relacionadas à utilização de máscaras.

"A nossa equipa de gestão ambiental reuniu-se ontem com o sócio e com o proprietário para discutir como eles podem respeitar a regra de ter os funcionários com o rosto coberto", disse Hass, acrescentando que se o restaurante não atender ao requisito, a licença poderá ser suspensa.

Contatados pela AFP, os responsáveis pelo restaurante optaram por não se manifestar.

Segundo a imprensa local, o proprietário disse que não concorda com as diretrizes das autoridades, numa altura em que a Califórnia e outros estados estão a registar aumentos alarmantes no número de casos.

Vários clientes também apelaram às redes e aplicações sociais como o Yelp - nos quais bares e restaurantes são recomendados e avaliados - para fazer um boicote.

"Ele perguntou-me se eu tinha visto o aviso na entrada. Definitivamente, não fui bem-vindo com a minha máscara", relatou um cliente à televisão local.

Outra mulher disse que foi convidada a sair quando foi buscar um pedido com uma máscara.

Alguns clientes, no entanto, expressaram à televisão local que não se importavam com a placa exibida fora do restaurante e que continuariam a comer no local.

Gavin Newsom, o governador da Califórnia, ordenou recentemente que as pessoas utilizassem máscaras faciais quando estivessem em locais públicos devido ao aumento dos infectados.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.