É um dos chefs mais conhecidos do mundo que conquista seguidores através dos seus programas televisivos, livros, redes sociais e restaurantes.

Hoje em dia, não é preciso ir a Londres para fazer uma refeição num restaurante com o "selo" de Jamie Oliver. O chef soube internacionalizar as suas ideias gastronómicas, principalmente, devido à sua paixão pela culinária italiana.

Dos clássicos à 'fast food'. Conheça os restaurantes de Jamie Oliver
créditos: jamieoliver.com

Mas, tal como tudo, Jamie Oliver teve que começar por algum lado. Conheça os principais projetos do chef.

Fifteen, o primeiro

O Fifteen é um dos restaurantes mais conhecidos de Jamie Oliver, por ser também o “primogénito” e ter um objetivo que vai muito além de servir refeições. Abriu em 2002, em Londres, quando Jamie, com 26 anos, fazia sucesso no programa “The Naked Chef”.

Restaurante Fifteen
créditos: Fifteen

Mais do que ser um espaço para experimentar o melhor da gastronomia britânica, com uma mistura de novas influências e ideias, o Fifteen tem uma missão: todos os anos dá a oportunidade a um grupo de jovens, muitos em situação precária e desemprego, de irem trabalhar e aprender no restaurante, que se transformou numa escola para muitos aspirantes a chefs e profissionais da restauração.

Fifteen
créditos: jamieoliver.com

Atualmente, existem mais duas filiais: em Cornwall, Inglaterra, e em Amesterdão, Holanda.

Jamie’s Italian, o mais internacional

O Jamie’s Italian é a “casa” mais internacionalizada do chef, com cerca de 60 restaurantes espalhados pelo mundo; de São Paulo a Sydney, passando por Hong Kong e Dubai, só para dar alguns exemplos. A gastronomia italiana é a inspiração e uma das grandes paixões do chef inglês. O primeiro Jamie’s Italian abriu em 2008, em Oxford, numa parceria entre Jamie e o seu mentor, o chef Gennaro Contaldo.

Jamie's Italian
créditos: jamieoliver.com

Lisboa é a próxima cidade a receber um Jamie’s Italian. O espaço fica na Praça do Príncipe Real e o menu vai seguir o modelo de comida italiana que já existe nos outros restaurantes desta filial. Saiba mais aqui.

Barbecoa, carne com um toque contemporâneo

Com dois restaurantes em Londres, em St. Paul e Piccadilly, o Barbecoa afirma-se como uma "catedral da carne e do fogo" e como a “steakhouse mais sexy do planeta". Churrasco e carne de qualidade são as estrelas do menu que dá ainda especial destaque às sobremesas mais requintadas. Os cocktails também são uma marca deste restaurante.

Barbecoa
créditos: Barbecoa

Com uma cozinha que explora diferentes técnicas, cortes e formas de preparar a carne, o Barbecoa conta também com vários eventos a decorrer, que podem interessar a quem procura uma experiência gastronómica diferente em Londres.

Jamie Oliver's Diner, inspiração norte-americana

Depois de ter aberto como um restaurante pop-up em Londres (Shaftesbury Avenue), que acabou por durar até hoje, o Jamie Oliver’s Diner vai buscar na “fast food” norte-americana a sua maior inspiração. Mas as preocupações nutricionais não foram esquecidas - não estivéssemos a falar do chef que sempre defendeu comida saudável - e o objetivo passa por elaborar pratos rápidos e reconfortantes (hambúrgueres, bifes, ovos, batatas fritas, etc.) mas que não sejam bombas calóricas como as suas receitas originais.

Jamie' Diner
créditos: Jamie Oliver's Diner Facebook

Atualmente, existem mais dois Diner: no aeroporto de Gatwick, Inglaterra, e em Roterdão, Holanda.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.