Desde o seu início humilde na Califórnia, o McDonald's cresceu e tornou-se um império global com quase 40 mil restaurantes a servirem cerca de 69 milhões de pessoas por dia em mais de 100 países.

Embora os menus sejam um pouco diferentes de um local para outro, de forma a satisfazer os gostos e costumes locais, é possível encontrar alguns elementos básicos em todos os países, como é o caso do Big Mac e do Happy Meal. No entanto, os preços não são tão consistentes. O custo do McDonald's varia muito entre os 118 países onde o Ronald está presente.

A Expensivity mapeou o preço das principais refeições e itens do McDonald's em todo o mundo. Além disso, foram usados os valores médios de rendimento nacional do Banco Mundial para mostrar a relação entre os preços e os salários locais.

O Líbano tem os preços mais altos para as refeições do McDonald's, com batatas fritas de tamanho grande a $13.27 (mais de 11 euros) e Happy Meal a $21,89 (mais de 18 euros). Além disso, para comprar uma refeição de adulto um cidadão do Líbano gasta, em média, 74.65% do seu salário.

No extremo oposto, a Rússia tem os Big Mac e o Happy Meal mais baratos, a $1,94 e $2,55, respectivamente. As batatas fritas mais baratas estão na Turquia, com um preço de $o,93 (80 cêntimos) por um pacote grande. No entanto, quando comparados os preços com os salários médios, é o Mónaco que se destaca como sendo o país onde as refeições do McDonald's são mais acessíveis, sendo necessário gastar apenas 0.69% do rendimento mensal para comprar uma refeição de adulto.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.