Amplamente considerado como uma das maiores mentes da história da raça humana, Leonardo da Vinci não apenas criou esboços de máquinas que estavam séculos à frente do seu tempo, mas também produziu algumas das peças de arte mais adoradas e icónicas do mundo.

Como o dia 2 de maio de 2019 marca o 500º aniversário da morte do mestre da Renascença, eventos e exposições especiais estão planeados por toda a Europa para homenagear a sua vida e legado.

Segue-se uma lista de destinos onde pode conhecer as contribuições artísticas e científicas de Da Vinci.

Florença, Itália

Muitas vezes descrito como o maior museu ao ar livre do mundo, Florença é uma mistura sedutora do tradicional e moderno. Seja um arqueólogo amador, um estudante de esculturas ou um historiador novato, encontrará o museu dos seus sonhos aqui, pois visitar os museus é, de longe, a atividade mais popular entre os visitantes da cidade. Com este espírito, e para celebrar o 500º aniversário da morte de Leonardo da Vinci, a cidade vai acolher várias exposições únicas ao longo do ano. Alguns destaques incluem uma exposição dedicada ao seu bonito fresco “A Batalha de Anghiari” no Museu do Palazzo Vecchio e uma coleção de máquinas extraordinárias do artista no Museu Leonardo da Vinci.

Museu do Palazzo Vecchio
Museu do Palazzo Vecchio créditos: Booking.com

Vinci, Itália

Embora não seja realmente o local do seu nascimento, Vinci é uma pequena cidade a oeste de Florença. Acolhendo uma das mais extensas coleções de invenções e máquinas de Da Vinci, o Museo Leonardiano Vinci também apresenta uma exposição especial temporária organizada em colaboração com a galeria Uffizi que inaugurou a 15 de abril e que se estende até 19 de outubro de 2019, focando-se numa das primeiras obras conhecidas e assinadas pelo próprio artista, "Paesaggio" (literalmente paisagem).

Interessado em conhecer o verdadeiro local de nascimento de Da Vinci? Faça uma road trip

Se procura a melhor forma de conhecer e explorar as famosas colinas da Toscana, nada melhor do que ir de carro. Enquanto Vinci fica a cerca de 35 quilómetros a oeste de Florença, se viajar de carro, pode percorrer a rota panorâmica e explorar algumas das cidades tradicionais menos conhecidas de Itália ao longo do caminho, mergulhando nas paisagens que se destacam em segundo plano das pinturas mais famosas de da Vinci.

Vinci, Itália
Vinci, Itália créditos: Booking.com

Pare em Prato para uma dose de arquitetura histórica, em Pistoia, com vista para as montanhas dos Apeninos, ou em Empoli para um passeio relaxante em torno das suas pitorescas ruas e praças. Independentemente da rota escolhida, não ficará desapontado. Antes de chegar ao seu alojamento em Vinci, visite a quinta em Anchiano, onde Leonardo nasceu.

Também localizado nos arredores de Vinci, o Agriturismo Il Piastrino é uma propriedade tradicional para viajantes que desejam mergulhar no charme rústico e na beleza da paisagem toscana. A propriedade é um local conveniente para explorar as colinas e aldeias que influenciaram os anos de formação do mestre.

Paris, França

Situado num antigo palácio real na margem direita do rio Sena, o vasto complexo do Louvre é provavelmente reconhecido pelas modernas pirâmides de vidro que se erguem acima do seu pátio do século XIV. O maior museu de arte do mundo também tem o que é provavelmente a pintura mais famosa do mundo, a Mona Lisa de Leonardo da Vinci. Pode igualmente admirar o que equivale a um terço das obras conhecidas de da Vinci, que também estão em exposição neste museu. No outono de 2019, o Louvre apresentará uma exposição única que reunirá desenhos e pinturas adicionais da obra do mestre, bem como novos insights baseados nas pesquisas mais recentes sobre a sua vida e produção artística.

Mona Lisa
créditos: Juan Di Nella/Unsplash

Clos Lucé, Amboise, França

O Château de Clos Lucé em Amboise foi onde Leonardo Da Vinci passou os últimos anos da sua vida a convite do Rei François I e onde morreu a 2 de maio de 1519. Além de uma exposição especial que celebra o 500º aniversário da sua morte, pode visitar os espaços onde viveu e trabalhou de 1516 a 1519, bem como dar um passeio pelo mesmo jardim que desfrutou durante os seus dias finais e felizes no vale do Loire.

Château de Clos Lucé
Château de Clos Lucé créditos: Booking.com

Londres, Reino Unido

Embora não seja um lugar que se destaque na vida de da Vinci, o Palácio de Buckingham é uma das atrações mais procuradas pelos visitantes em Londres. E para comemorar o aniversário da morte de Leonardo, a Galeria da Rainha oferece a exposição "Leonardo da Vinci: Uma Vida em Desenho", que apresentará mais de 200 desenhos do mestre da Renascença na Coleção Real, de 24 de maio a 13 de outubro de 2019.

Palácio de Buckingham
créditos: Debbie Fan/Unsplash

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.