"Chegou o momento de uma prudente reabertura. Os êxitos são evidentes na luta contra a pandemia do novo coronavírus", afirmou o chefe de Governo regional bávaro, Markus Söder.

A partir de 25 de maio "consideramos que é aceitável abrir os restaurantes, com restrições, como ocupar uma mesa a cada duas e, portanto, um número limitado de clientes, zonas específicas para as famílias e medidas de higiene reforçadas", afirmou.

Os funcionários de sala e da cozinha deverão usar máscaras de proteção.

Depois, em 30 de maio, hotéis e turismo poderão retomar as atividades nesta região do sul da Alemanha, uma das mais visitadas do país.

A capital e maior cidade da Baviera é Munique. Do estado também fazem parte cidades como Nuremberga ou Bamberg.

O setor dos restaurantes e do turismo é uma das últimas grandes etapas do desconfinamento na Alemanha, que começou progressivamente há duas semanas.

O anúncio da Baviera acontece no momento em que várias regiões da Alemanha, país federal e muito descentralizado, flexibilizam as determinações de prudência do governo central de Angela Merkel e aceleram as medidas de desconfinamento.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.