Divorce Hotel, é o primeiro do género em Inglaterra, e abriu na cidade de York. “A Positive New Start” é o seu mote, que pretende dar ao ex-casal uma oportunidade de resolver o divórcio em território neutro, num ambiente descontraído, com conforto e longe dos familiares.

O casal fica em quartos separados, enquanto resolvem os pormenores do divórcio. O hotel oferece um mediador e um advogado, para ajudar na papelada que depois irá ser enviada para o tribunal no final da estadia. Um processo que neste país demora cerca de 3 meses até estar finalizado.

O conceito vem dos Estados Unidos e foi trazido para Inglaterra por David Leckie, mediador e consultor, que acredita que o "divórcio pode ser resolvido de uma forma positiva".

No entanto, este hotel é aconselhado a casais que estão seguros da decisão tomada e que pretendem resolver a sua situação de forma pacífica. Provavelmente para evitar discussões acesas nos corredores e roupa a voar pela janela do quarto de hotel.

Mas não é propriamente barato. O custo varia entre as 6 e as 10 mil libras (entre 7 mil e 12 mil euros aprox.), que inclui a estadia e apoio legal. O hotel oferece três tipos de divórcio: aquele que é resolvido num escritório, durante a estadia ou o online.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.