O Dia Internacional da Mulher é celebrado mundialmente a 8 de março, e não só dá a oportunidade para nos concentrarmos em questões importantes, mas também é uma janela para celebrar e lembrar mulheres que quebraram as regras ao longo da história, e deram os seus próprios passos em direção à igualdade de género, como as que apresentamos em seguida.

Amelia Earhart

Amelia era uma aviadora americana e a primeira mulher a voar sozinha através do Oceano Atlântico em 1932. Durante a sua vida, ela conquistou vários feitos no ar, estabeleceu muitos outros recordes e escreveu livros sobre as suas experiências. Também foi um membro do Partido da Mulher Nacional e um dos primeiros defensores da Emenda de Direitos Iguais.

Enquanto fez manchetes pela primeira vez com o seu primeiro voo transatlântico como passageira, ao lado de Wilmer Stultz, ela descreveu as suas ações como uma “bagagem” e partiu para alcançar a façanha a solo mais tarde naquele ano. Teve igualmente um papel fundamental na criação da Ninety-Nines, uma organização que defende pilotos do sexo feminino.

Como piloto, Amelia viajou para muitos destinos. O seu voo transatlântico a solo mais icónico levou-a de Harbour Grace, Newfoundland, até uma quinta perto de Derry, na Irlanda do Norte, quase 15 horas depois.

aviao
créditos: Booking.com

Se gostaria de fazer a rota pioneira de Amelia, por que não visitar um desses marcos importantes? Prepare-se para decolar em Harbor Grace, visitando o Conception Bay Museum e aprendendo mais sobre o famoso voo de Amelia.

Alternativamente, perto do ponto de desembarque de Amelia, visite Derry, a segunda maior cidade do norte da Irlanda, com uma rica história e cultura própria para manter os viajantes entretidos.

Frida Kahlo

A artista mexicana e ícone feminista Frida Kahlo é famosa pelos seus retratos e autorretratos de estilo folk artísticos que combinam realismo e elementos surrealistas.

Frida fez parte do movimento pós-revolucionário Mexicayotl, que procurou definir uma identidade mexicana, e as suas obras continuam a inspirar a cultura popular e a levantar questões de identidade, pós-colonialismo, género, classe e raça na sociedade mexicana de hoje.

Kahlo passou a maior parte da sua infância e vida adulta na sua casa de família em Coyoacán, na Cidade do México, hoje conhecida como a "casa azul" que se encontra acessível ao público como o Museu Frida Kahlo.

Museu Frida Kahlo
Museu Frida Kahlo créditos: Booking.com

Frida também é famosa pelo seu relacionamento com o mexicano Diego Rivera, com quem se casou em 1928. Em 1930, Frida e Diego mudaram-se do México para se estabelecerem em São Francisco, EUA, onde Frida mostrou a sua pintura do casal “Frida e Diego Rivera" na Sexta Exposição Anual da Sociedade de Mulheres Artistas de São Francisco.

Em 2018, a cidade de São Francisco honrou a sua ligação com a vida lendária de Frida, dando o seu nome a uma rua em Ingleside em sua homenagem.

Marie Curie

Marie é notoriamente conhecida como a primeira mulher a ser laureada com um Prémio Nobel, e de facto a única mulher até hoje a sê-lo duas vezes. Marie era Cientista e conduziu pesquisas inovadoras sobre radioatividade, descobriu os elementos polónio e rádio e as técnicas para isolar isótopos radioativos. Marie Curie nasceu em Varsóvia, na Polónia, e mais tarde mudou-se para Paris, França, onde se tornou a primeira professora da Universidade de Paris.

Palácio da Cultura e Ciência, Marie Curie, Varsóvia, Polónia
Palácio da Cultura e Ciência Marie Curie, Varsóvia, Polónia créditos: Booking.com

Marie Curie fundou os Institutos Curie em Paris e Varsóvia, que continuam a ser os principais centros de pesquisa hoje em dia, e os destinos perfeitos para quem deseja seguir os passos pioneiros de Marie.

Cleópatra

Uma figura notória na história antiga, Cleópatra foi a última governante ativa da dinastia de Ptolemeu do Egito, e famosa pela sua beleza, bem como pela sua mente. Falando várias línguas e respeitada como líder, Cleópatra assegurou várias alianças militares. Igualmente famosos são os seus casos românticos, que foram apresentados em obras de arte, teatro e cinema, cimentando-a como uma mulher verdadeiramente icónica.

O legado de Cleópatra é mais famoso na sua antiga capital, Alexandria, Egito. Diferente desses tempos, a Alexandria moderna tem um porto com vista para o Mediterrâneo que vale a visita.

Alexandria, Egito
Alexandria, Egito créditos: Booking.com

Quando Cleópatra se juntou a Júlio César, mudou-se para Roma onde este lhe dedicou uma estátua de ouro no templo de Venus Genetrix.

Anasuya Sarabhai

Anasuya foi uma pioneira do movimento trabalhista das mulheres na Índia e apoiada no seu trabalho por Mahatma Gandhi, com quem fundou o mais antigo sindicato trabalhista de Gujarat para trabalhadores têxteis.

Mais tarde, o sindicato preparou o caminho para a fundação da Associação das Mulheres Autónomas da Índia (SEWA), cujo fundador era Ela Bhatt, mentora de Anasuya.

Londres
Londres, Reino Unido créditos: Booking.com

Anasuya nasceu em Ahmedabad, na Índia, a maior cidade e antiga capital do estado indiano de Gujarat. Orfã em tenra idade, Anasuya deixou Inglaterra para estudar medicina, mas depois voltou para estudar na London School of Economics (LSE). Em Londres, Anasuya foi influenciada e inspirada pelo movimento suffragette. A escola em si tem sede em Westminster, na fronteira entre Covent Garden e Holborn, historicamente conhecida como Clare Market. O Apt nº 9, nas proximidades, é a acomodação perfeita para explorar a área local e inspirar-se nas diversas e movimentadas ruas de Londres.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.