Na República Dominicana, assim como no México, os hotéis e o turismo nacional têm implementado ações para retirar o sargaço que, nesta altura, chega em maior quantidade aos areais.

Como estive em Punta Cana há pouco, durante uma semana, vi que muitos hotéis têm investido em barreiras de redes – que impedem que a maior parte do sargaço chegue ao areal – e na limpeza diária das praias (várias vezes ao dia).

Mas, mesmo com esses esforços o sargaço continua a ocupar as águas. Mas, que não seja por isso que deixam de visitar estes países! Até porque há outros sítios lindos, para visitar, sem sargaço! E estas águas merecem mergulhos!

A época de sargaço nas Caraíbas sempre existiu, no entanto, nota-se que tem aumentado nos últimos anos. Alguns investigadores dizem que poderá estar relacionado com a desflorestação da floresta da Amazónia e com as mudanças climáticas.

Mas, se o caro leitor vai às Caraíbas e quer mesmo ver o mar paradisíaco que nos mostram nas revistas e blogues de viagens... façam duas excursões que valem a pena: a da ilha Saona e a Wild Punta Cana (Reserva Ecológica Ojos Indígenas), com imagens que são tudo o que sonhamos quando pensamos em Caraíbas.

Que lugares mais lindos! Algo que pode ser visto nas fotos abaixo! Junto também algumas fotos do sargaço, para perceberem como estão antes e depois das limpezas de praia.

Saiba mais sobre a questão do sargaço, aqui.

E sobre estas duas excursões, da Galeria de Fotos, leia a experiência de ambas no Viaje Comigo: ilha Saona e Reserva Ecológica Ojos Indígenas.

Acompanhe todas as dicas da viagem a Punta Cana, do Viaje Comigo.

- Mais dicas para visitar a República Dominicana, no Viaje Comigo

Acompanhe as viagens do Viaje Comigo também no Instagram, Facebook e no canal de vídeos YouTube.

Boas viagens!

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.