São Petersburgo, Rússia | Junho 2013

São Petersburgo, na Rússia durante as celebrações das Noites Brancas é uma das mais bonitas recordações de viagem que guardo no meu álbum de fotografias. Nesta altura do ano o sol (quase) não se põe e as horas extra de luz servem para animar os diversos eventos culturais que ocorrem, um pouco por todo a cidade. Há teatro, dança, ópera e… muitas festas. Perto da meia-noite, anjos começam a percorrer as ruas e um clima surreal toma conta desta cidade que tanto inspirou Dostoievski - é simplesmente maravilhoso!

São Petersburgo, Rússia | Junho 2013
créditos: Travellight World

Praia do Forte, Brasil | Junho de 2009

Guardo as melhores recordações das minhas primeiras férias na Praia do Forte, Brasil, e lembro-me que fiquei particularmente encantada com os pequenos macacos sagui que viviam no local, mas este foi aquele que me conquistou. O malandro ficava todas as manhãs, escondido na palmeira a espiar as pessoas que se divertiam na piscina. Ao contrário dos outros macacos que facilmente se deixavam fotografar, este em particular, escondia-se sempre que eu lhe apontava a câmara, era quase como se estivesse a brincar às escondidas comigo. Foi preciso algum tempo, mas consegui apanhá-lo e até hoje esta fotografia é uma das minhas preferidas de viagem.

Praia do Forte, Brasil | Junho de 2009
créditos: Travellight World

Mértola, Portugal | Janeiro de 2017

Mértola é um dos meus lugares preferidos para uma escapadinha em Portugal e há cerca de três anos, numa das minhas deambulações pela cidade, deparei-me com esta cena adorável: um gato estava de tal forma concentrado a observar um passarinho que cantava numa árvore à sua frente que nem reparou que outro pássaro pousara mesmo ao seu lado. O engraçado foi que este pássaro também ficou, por longos minutos, junto com o gato, a olhar para o outro que estava em cima da árvore. Foi uma das coisas mais engraçadas que vi em viagem!

Mértola, Portugal | Janeiro de 2017
créditos: Travellight World

Varna, Bulgária | Fevereiro de 2008

Viajei para Varna a trabalho, mas isso não me impediu de ficar encantada com esta bonita estância balnear do leste europeu. Uma das lembranças mais fortes que guardo é a de um passeio que dei pelo porto, após uma noite de grande tempestade. O vento tinha parado e sol começava timidamente a aparecer por entre as nuvens, quando me deparei com este farol. Parecia um gigante intocável, totalmente alheado aos estragos que a tempestade e o Mar Negro tinham provocado à sua volta. Uma lembrança de que este mundo é daqueles que se sabem manter fortes durante as piores tempestades.

Varna, Bulgária | Fevereiro de 2008
créditos: Travellight World

Siem Reap, Camboja | Setembro de 2010

Uma das viagens mais marcantes da minha vida foi a visita que fiz ao Camboja e aos templos de Angkor Wat. Apesar dos templos serem maravilhosos, na verdade, foram as pessoas locais que me conquistaram. A sua simpatia e atenção para com o visitante comoveram-me e a sua forma de vida também.

Um dia passei por um lago onde um jardineiro limpava cuidadosamente folhas de lótus. A dedicação com que ele cumpria a sua tarefa era tal que me tocou. No Camboja esta flor representa a pureza porque consegue brotar, limpa e pura, mesmo de águas cheias de lama. O jardineiro pareceu-me assim estar a cuidar não apenas das plantas mas também do seu espírito. Esta fotografia é uma das mais bonitas lembranças que trouxe deste país.

Siem Reap, Camboja | Setembro de 2010
créditos: Travellight World

Vejam outras viagens no meu Instagram


Vamos criar o álbum de viagens mais belo do mundo?

Lançamos um novo desafio aos nossos utilizadores: queremos conhecer as vossas melhores memórias de viagens.

Enviem por e-mail - sapo.viagens@sapo.pt - uma fotografia, com uma breve descrição a acompanhar, da melhor viagem que fizeram. Aquela que vos marcou de uma forma única e que vos vem sempre à cabeça quando alguém pergunta: qual foi a melhor viagem que já fizeram? Não se esqueçam de referir: lugar e data (mês e ano) da viagem.

ou

Partilhem a fotografia, com a devida descrição, via Instagram, usando a hashtag #albumsapo. Podem também continuar a usar a nossa tag habitual #sapoviagens.

Como já fizemos com o desafio Da minha janela, vamos destacar as melhores imagens através de galerias de fotos e os melhores relatos vão ser destacados em artigos como este.

Vamos a isso? Contamos com a vossa colaboração.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.