Há muito mais para visitar em Chicago do que ver os arranha-céus do centro da cidade a partir de um barco ou autocarro turístico. Chicago é uma cidade com 77 comunidades e aproximadamente 180 bairros distintos e diversificados.

Tom Schaffner, um executivo de Comunicação Corporativa aposentado, jornalista e autoproclamado Chicagophile, chegou a esta conclusão há cerca de um ano, enquanto dava a sua própria tour a amigos e familiares que o visitavam de fora da cidade.

Foi então que se fez luz! "Alguém deveria fazer visitas guiadas pelos bairros únicos de Chicago", pensou Tom Schaffner. E mais. Os visitantes deveriam fazê-lo da mesma forma como a maioria dos habitantes de Chicago viaja para qualquer lugar - através do sistema de comboios elevado, conhecido como o "L".

Foi assim que nasceu a L Stop Tours, uma empresa fundada no início deste ano por Schaffner, que usa o sistema de transportes L de Chicago para transportar os visitantes a vários bairros da cidade.

Ao chegar às estações L designadas, Schaffner leva os visitantes por passeios a pé que revelam a cultura e a história dos bairros, bem como restaurantes e bares ao longo do caminho que permitem aos viajantes experimentar as opções de comida e bebida da região.

A Blue Line Tour (Linha Azul), por exemplo, viaja do Loop até Wicker Park e Bucktown; a Pink Line Tour (Linha Rosa) explora o bairro de Pilsen; duas Green Line Tours (Linha Verde) exploram o West Loop, o Fulton Market e o Garfield Park (Green West Line) e o McCormick Square, o Motor Row e o Prairie Avenue Historic District (Linha Verde do Sul). A Brown Line Tour (Linha Castanha) explora tabernas e pubs históricos nos bairros de River North e Old Town.

"Os passeios são divertidos e interessantes. Viajamos de comboio, entramos em marcos históricos e outros lugares interessantes, conversamos sobre história e cultura e apreciamos a gastronomia e a bebida dos bairros que visitamos", disse Schaffner. “É uma experiência muito interativa”, conclui.

O L Stop Tours está indicado para pessoas que não estão familiarizadas com o sistema de transporte público de Chicago e procuram por guias experientes que possam orientá-los nas suas viagens pela zona. Os guias mostram aos visitantes como usar o sistema, explicam para onde vão e também como usar os smartphones para determinar quando o próximo comboio chegará a uma estação.

As visitas guiadas começam nos 48 dólares por pessoa e todas elas têm início em Loop (no distrito empresarial central). Diferentes visitas guiadas são oferecidas ao longo dos vários dias de semana e estão limitadas a um número máximo de 8 pessoas. Para grupos, há que fazer a reserva de uma visita guiada privada.

Os bilhetes podem ser adquiridos online, em LStopTours.com.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.