Reunir diversas opções culinárias debaixo do mesmo teto, num espaço único, é um conceito que ganha cada vez mais adeptos no mundo inteiro.

Em Portugal, dentro da mesma linha temos o Time Out Market (Mercado da Ribeira, em Lisboa) ou o Mercado de Campo de Ourique, só para citar alguns exemplos entre as diversas ofertas disponíveis no nosso país.

Lá fora, os chamados "Food Halls", também já conquistaram os fãs da gastronomia que procuram diversidade de sabores. Se visitar um destes destinos numa próxima viagem, não deixe de ter uma experiência gastronómica nestes espaços:

Birmingham, Alabama, EUA

Conhecida como a "cidade mágica", quem visitar Birmingham ficará encantado com a variedade de opções gastronómicas disponíveis. O Pizitz Food Hall, localizado no centro de Birmingham, é um edifício industrial renovado que reabriu como um Food Hall no início de 2017. São 15 restaurantes sob o mesmo teto, com opções que vão desde comida de rua indiana, sabores mexicanos, gastronomia do Nepal, e muito, muito mais.

Londres, Reino Unido

Londres é um centro global de cultura, arquitetura, moda, música e culinária e que também está a adotar este conceito de espaço único gastronómico. Localizado no bairro de Victoria, no centro de Londres, o Market Hall Victoria oferece restaurantes de 11 cozinhas, três bares, um café no terraço. Dos tacos mexicanos apimentados, espetadas suculentas, hambúrgueres e Dim Sum, há oferta para todos os gostos.

Londres hamburguer
créditos: Booking.com

Banguecoque, Tailândia

O Siam Center Food Court, também conhecido como Food Republic, está localizado no centro de Banguecoque e oferece culinária do mundo inteiro, tudo num só lugar. Divididos em duas seções, os clientes podem saborear pratos asiáticos e ocidentais, ou pratos tradicionais tailandeses. Uma nota importante para os turistas: neste espaço o dinheiro tem de ser trocado por créditos, antes de se dirigir aos diversos stands.

Banguecoque, Tailândia
créditos: Booking.com

Taipei, Taiwan

Muitas vezes chamada de "praça gastronómica subterrânea", o Shilin Night Market em Taipei é um paraíso subterrâneo para os amantes da comida. Este destino único é uma visita obrigatória e é o maior mercado noturno de Taipei. Aqui vai poder provar iguarias locais, como frango frito de Taiwan, omelete de ostra e gelado frito.

taipei taiwan
créditos: Booking.com

Osaka, Japão

O Umeda Food Hall, localizado na loja Hanshin, consiste em dois níveis subterrâneos. No primeiro nível, os visitantes podem experimentar uma variedade de alimentos, como sushi, pizza e ramen. No segundo, os visitantes podem experimentar produtos frescos acompanhados de vinho, bebidas espirituosas e cervejas.

Roma, Itália

Além dos restaurantes com estrelas Michelin e pizzarias familiares, Roma também está a adotar a cultura de Food Halls. O Mercato Centrale Roma, aberto 365 dias por ano, das 8h à meia-noite, oferece uma ampla seleção de opções de refeições num ambiente casual. Há produtos artesanais, pizzas, hambúrgueres, sushi, massas...

Tijuana, México

O Food Garden, em Tijuana, tem como objetivo “ser o principal operador das "praças" gastronómicas urbanas e uma das empresas culinárias mais reconhecidas no México. Este espaço gigante ultrapassa o conceito básico de restauração em centro comerciais, e é uma espécie de laboratório para chefs e um verdadeiro ecossistema gastronómico.

comida mexicana
créditos: Booking.com

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.