No interior encontramos objetos que remontam a 1928, quando foi criado o estabelecimento comercial. Um rádio antigo, um pequeno balcão e um relógio.

Chapelaria Liz
créditos: andarilho.pt

São as marcas dessa história que Ana Paula Moreira quer preservar, embora o relógio esteja parado.

Chapelaria Liz
créditos: andarilho.pt

“Tem um segredo e só o meu pai conseguia pôr a trabalhar. O balcão também é dessa data. A máquina registadora é mais recente, deve ter cerca de 40 anos, foi restaurada e está a funcionar. O espaço é o mesmo, como também as portas.”

Na loja encontramos à venda algum calçado e cintos. No entanto, a maioria dos produtos são chapéus. Para todos os gostos e usos. Por razões de moda ou saúde, “há também os jovens que em maior numero são carecas mais cedo. Usam barba e são carecas.

Chapelaria Liz
créditos: andarilho.pt

E depois há as modas. Por isso, temos um público muito vasto, que vai de pessoas com mais de 90 anos aos bebés.”

Chapelaria Liz
créditos: andarilho.pt

Várias gerações da mesma família há mais de 90 anos que vão às instalações da Chapelaria Liz que ganhou um estatuto especial: “é a loja mais antiga da rua Direita, no mesmo sítio. Mantém-se aqui há 92 anos.”

Chapelaria Liz
créditos: andarilho.pt

A clientela varia ao longo do ano. “No verão é mais diversificada. Temos os turistas estrangeiros e nacionais, os emigrantes... No inverno é mais local e para prendas. A nossa melhor época é o Natal.”

Um movimento de clientes que já não se compadece com rotinas do passado quando Ana Moreira era jovem e ia para a loja.

Chapelaria Liz
Ana Moreira créditos: andarilho.pt

“Cheguei a trabalhar aqui. A profissão inicial do meu pai era radio técnico. Arranjava rádios, colocava antenas... Ele tinha um armazém onde fazia as reparações e na loja ficava a minha mãe e nós, as filhas. Quando não podia estar uma de nós, ele colocou um sistema de campainhas e se entrava alguém ele ouvia o som no armazém e vinha a correr.”

Chapelaria Liz
créditos: andarilho.pt

Nas paredes vemos algumas fotografias do pai ao lado de clientes.

Chapelaria Liz
créditos: andarilho.pt

O coração desenhado na parede com a legenda “uma história de amor no coração de Leiria” remete também para o romance entre o pai e a mãe de Ana Moreira que se conheceram nesta rua e viveram muitos anos no edifício onde permanece a Chapelaria Liz.

Chapelaria Liz
créditos: andarilho.pt

Há 92 anos que a Chapelaria Liz recebe os clientes na rua Direita de Leirias faz parte do programa da Antena1 Vou Ali e Já Venho e a emissão deste episódio pode ouvir aqui.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.