Cenário de batalhas ou romances, os castelos europeus fazem parte da história e do imaginário ocidental. Construídas na sua maioria na Idade Média, estas fortificações são hoje em dia alguns dos pontos turísticos mais famosos do "Velho Mundo".

Castelo de Almourol – Portugal

O Castelo de Almourol (na imagem acima) é um dos castelos mais bonitos de Portugal. Localizado numa pequena ilha no meio do rio Tejo, é um monumento simbólico da milícia medieval. Além disso, o monumento está intimamente ligado aos Templários, o que faz aumentar o seu encanto. O que podemos ver hoje, no entanto, não tem nada a ver com o edifício original (anterior a 1129), nem com as modificações introduzidas pela Ordem do Templo. Na verdade, durante o século XIX, a ideologia romântica dos monumentos medievais fez com que as estruturas fossem alteradas. Independentemente das mudanças que sofreu ao longo dos anos, o mais fascinante deste castelo são as lendas que o rodeiam.

Neuschwanstein – Alemanha

Neuschwanstein – Alemanha
créditos: DR

O Novo Castelo do Cisne, nome traduzido para o português, não foi construído durante o período medieval apesar de apresentar um estilo arquitetónico que remete para essa época. Erguido em 1869, este castelo é um dos mais visitados de toda a Europa e foi inspiração para os icónicos castelos dos filmes “Cinderela” e “A Bela Adormecida” (além do castelo do Magic Kingdom na Disney de Orlando).

Castelo de Edimburgo – Escócia

Castelo de Edimburgo – Escócia
créditos: DR

O Castelo de Edimburgo é considerado um dos mais assustadores de toda a Europa (e as histórias de assombrações no castelo não podiam faltar). Coroando o monte acima da cidade de Edimburgo, a construção pode ser observada desde praticamente qualquer ponto da cidade.

Castelo Alcácer de Segóvia – Espanha

Castelo Alcácer de Segóvia – Espanha
créditos: DR

Este é um dos castelos mais imponentes de Espanha. Originalmente construído como fortaleza militar, o Castelo Alcácer de Segóvia já foi palácio real, prisão de estado, colégio real da artilharia militar e academia militar. Fontes históricas indicam que as suas primeiras estruturas foram erguidas em 1122, o que faz deste um dos castelos mais antigos da Europa.

Castelo Schweriner – Alemanha

Castelo Schweriner – Alemanha
créditos: DR

Localizado numa pequena ilha no meio do lago Shchweriner, este encantador castelo alemão é famoso por estar cercado por águas, o que lhe dá um ar idílico. Já foi lar de nobres como os Duques e Grão-Duques de Mecklenburg. No entanto, hoje alberga o parlamento do estado de Mecklenburg. Durante a Segunda Guerra Mundial, o castelo foi transformado em maternidade.

Monte Saint-Michel – França

Monte Saint-Michel – França
créditos: DR

Um dos castelos franceses mais famosos, o Monte Saint-Michel foi originalmente construído para ser um mosteiro, erguido durante o século XIII numa planície alagável. Está ligado ao continente através de um istmo (uma pequena faixa de terra) e, dependendo das marés, também fica completamente cercado pelo mar, o que lhe concede isolamento natural. Contudo, hoje o caminho é permanentemente acessível devido às estradas de asfalto e à canalização do rio Couesnon.

Castelo Peles – Roménia

Castelo Peles – Roménia
créditos: DR

O castelo Peles é considerado um dos mais bonitos da Europa Oriental devido à sua arquitetura romântica. Com mais de 160 quartos mobilados, o castelo é hoje um museu e compõe um verdadeiro catálogo arquitetónico devido à combinação de diferentes estilos em vários ambientes.

Castelo Highclere – Inglaterra

Castelo Highclere – Inglaterra
créditos: DR

A construção do castelo Highclere teve início em 1679, seguindo o mesmo estilo arquitetónico do Parlamento Britânico, daí a sua semelhança. A edificação é famosa por já ter sido cenário de gravação de várias séries britânicas, incluindo a recente Downton Abbey. O castelo pode ser visitado, porém é preciso comprar os bilhetes com meses de antecedência para conhecer o interior de Highclere.

Castelo Reichsburg Cochem – Alemanha

Castelo Reichsburg Cochem – Alemanha
créditos: DR

Este castelo, localizado num monte, é o vigilante da cidade alemã de Cochem – de modo bastante semelhante ao castelo de Edimburgo. Destruído pelas tropas francesas em 1689, o castelo foi totalmente reconstruído e é uma memória permanente dos tempos medievais da Alemanha.

Castelo Löwenburg – Alemanha

Castelo Löwenburg – Alemanha
créditos: DR

Traduzido para o português, este é o Castelo do Leão, construído em 1793. Infelizmente, durante a Segunda Guerra Mundial, o castelo sofreu vários danos e perdeu as suas torres, que posteriormente foram reerguidas. Contudo, algumas áreas do castelo permanecem em ruínas até hoje.

Castelo Hohenzollern – Alemanha

Castelo Hohenzollern – Alemanha
créditos: DR

Este castelo alemão está localizado no sul do país, sobre o monte Hohenzollern – daí o nome da construção. A história do castelo é riquíssima e este foi originalmente construído na primeira metade do século XI. Conquistado e reconquistado por franceses e prússios, danificado e depois reerguido, três reconstruções ampliaram o castelo até ao formato atual.

Sugestões: Civitatis

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.