Portugal tem uma fronteira terrestre com a Espanha de mais de 1200 quilómetros, conhecida como “A Raia”. Os raianos estão tão habituados a viver com um pé de cada lado que muitas vezes não distinguem países, línguas ou culturas. Descubra os melhores “pueblos” raianos espanhóis para visitar em fevereiro.

Zamora

Zamora é a cidade espanhola mais visitada pelos portugueses da zona raiana de Miranda do Douro, segundo a Civitatis. Esta pequena capital de província com pouco mais de 60 mil habitantes tem várias atrações para os viajantes que se atrevem a conhecê-la. A cidade possui uma arquitetura preciosa, além de um centro histórico medieval de tirar o fôlego. Chamam a atenção as espetaculares vistas sobre o rio Douro.

Zamora
Zamora créditos: DR

Vigo

Com a maior população da Galiza, segundo a Civitatis, a cidade tem um grande leque de atividades para desfrutar durante os 365 dias do ano. A zona antiga de Vigo é toda de granito, com ruelas que serpenteiam pelo meio dos edifícios e que invariavelmente vão dar à ria ou ao porto. Este é um dos melhores lugares para se divertir a qualquer hora.

Vigo
Vigo créditos: DR

Salamanca

Devido a sua universidade fundada em 1218, que atrai estudantes de todo o mundo, Salamanca é conhecida como a Coimbra espanhola. Por lá passaram nomes como Cristóvão Colombo, Antonio de Nebrija e Miguel de Unamuno. A sua catedral, ou melhor dito, o seu conjunto catedralício com as catedrais novas e velhas, também são ex-líbris desta cidade situada a 120 quilómetros da fronteira de Vilar Formoso. É possível ver vestígios do terramoto de Lisboa de 1755 nas paredes do local.

Salamanca
Salamanca créditos: DR

Badajoz

A meia hora de Elvas, encontramos a cidade de Badajoz, uma das cidades mais importantes da Extremadura espanhola. A cidade foi fundada em 875 d.C. pelos árabes, num local onde havia indícios de povoações visigóticas e romanas, o que faz de Badajoz uma cidade muito interessante para os amantes da história e arqueologia.

Badajoz
Badajoz créditos: DR

Mérida

O conjunto arqueológico de Mérida é considerado Património da Humanidade pela UNESCO desde 1993. Está situada a 83 quilómetros de Elvas e é o destino perfeito para conhecer depois de Badajoz, num fim de semana prolongado em família. O Festival Internacional de Teatro Clássico de Mérida, que normalmente se celebra nos meses de julho e agosto, é imprescindível para os amantes da cultura.

Mérida
Mérida créditos: DR

Huelva

Huelva é uma cidade com um vasto património que vale a pena visitar. Ela é conhecida como a Porta do Atlântico pela sua tradição marítima e por ser o porto de onde Cristóvão Colombo partiu na sua primeira viagem para as Américas em 1492. Um dos destaques é a Plaza de las Monjas (Praça das Freiras) onde está o Convento de Santa María de Gracia e uma estátua de Cristóvão Colombo. Outro ponto forte é o bairro inglês de Reina Victoria.

Huelva
Huelva créditos: DR

Sugestões: Civitatis

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.