Na Islândia, mais propriamente na zona de Grímsnes, encontramos uma cratera de vulcão fascinante: A Kerid. Também conhecida por “olho do mundo”, pela sua forma arredondada e por se encontrar coberta com água azul esmeralda, esta caldeira tem três mil anos, 270 metros de diâmetro e 55 metros de profundidade.

Ao contrário do que muitos pensam, a cratera não se formou através de uma explosão, mas sim através de uma erupção que esvaziou todo o magma que lá existia.

De fácil acesso, é frequentemente visitada por turistas que ficam deslumbrados pela paisagem e por esta forma única da natureza. A estrutura em cone, tem tons avermelhados e verdes, devido à rocha vulcânica e ao musgo e erva que vão crescendo no terreno.

É sem dúvida uma atração a visitar o ano inteiro, quer em meses de sol, quer no inverno, quando o lago se encontra congelado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.