Todos nós temos os nossos vícios, mas alguns podem ser mais difíceis de largar do que outros e como se aproxima a estação do "Ano Novo, novo eu" muitos tentarão reprimir os seus hábitos mais persistentes - mas qual o hábito que os europeus acham mais difícil de largar?

Os especialistas do ICE Headshop utilizaram a ferramenta de análise online SEMrush para analisar frases para os vícios mais comuns, a fim de perceber quais vícios os europeus estavam a tentar largar.

Vícios mais difíceis de largar
Vícios mais difíceis de largar créditos: ICE Headshop

Dos 40 países europeus analisados, em 28 países - incluindo Portugal - fumar é o hábito mais difícil de abandonar, com 850.440 europeus a procurarem dicas para deixarem o seu vício de nicotina, todo os anos.

O álcool é o segundo hábito mais difícil de deixar e figura nos melhores resultados para muitos países europeus, mas é o vício mais difícil de largar por apenas sete. As pesquisas combinadas para deixar o álcool são superiores a 312.000 anualmente.

O terceiro hábito mais difícil de deixar em toda a Europa é o açúcar. As pesquisas anuais combinadas totalizam 98.520, em média. O café é o quarto hábito mais difícil de abandonar para os europeus. As pesquisas anuais combinadas de como deixar de beber a bebida quente viciante chegam a pouco mais de 35.000. Com a Sérvia (1.560) a ser o único país a encontrar o café mais forte.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.