No fim de semana de 20 a 22 de julho, em Marialva, uma das 12 Aldeias Históricas de Portugal, há uma festa a não perder: Maria Alva, a Dama dos Pés de Cabra. Vão ser três dias com concertos, teatro e encenações, gastronomia, passeios e provas de produtos regionais (veja o programa detalhado mais abaixo). Será um fim de semana de muita festa.

E a lenda de Marialva, conhece? Ora, reza a lenda que ali vivia uma donzela moura, de tês branca, chamada Maria Alva. Muitos eram os seus pretendentes, e dizia a todos que se casaria com quem lhe oferecesse “uns sapatos à medida”. Ninguém conseguia acertar com as medidas dos pés da donzela e esta continuava sem par, até um cavaleiro resolveu pedir a um sapateiro para lhe fazer os sapatos para oferecer à dama. Como ia ele saber qual era o número?

O sapateiro convenceu a criada de Maria Alva a espalhar farinha no chão para que assim conseguisse fazer um molde, mas quando viu as marcas exclamou “Ah Maria Alva! Tens cara bonita, e tens pés de cabra”. Mesmo com esta notícia o cavaleiro, apaixonado pela dama, mandou fazer os sapatos com os “pés de cabra” e quando entregou o presente a Maria Alva, esta, com vergonha por o seu segredo ter sido descoberto, atirou-se da torre do castelo. Uma tragédia que acabou por dar o nome à aldeia: Marialva.

Se quiser ficar pela aldeia, existem pacotes das Aldeias Históricas, já com alojamento incluído.

PROGRAMA DA FESTA DE MARIALVA

Sexta-feira, dia 20 de julho

21h00 – Abertura da exposição | Posto de Turismo
- Rostos E Memórias: exposição com fotografias antigas de habitantes locais.

21h30 – Noite de Fados no Castelo

Sábado, dia 21 de julho

10h00 – Oficinas de saberes e sabores | Posto de Turismo
- Fabrico de pão artesanal nos fornos do Abel e da Olívia - Esparregado de favas com borrego
Atividade sujeita a pré-inscrição dos participantes, no máximo de 15 pessoas. O pão será confecionado por habitantes locais em fornos artesanais, com a participação dos inscritos, bem como o esparregado de favas com borrego. No final, os intervenientes almoçam.

15h00 – Máquina do Tempo | Castelo de Marialva
- Visitas Guiadas Encenadas: Marialva e o Mestre de Avis - tendo como base a história de Marialva ao longo da crise de 1383 - 85
- Pelos trilhos da Dama | Posto de Turismo - Passeios equestres, ao longo da tarde, pela Aldeia Histórica, promovidos em parceria com o Real Picadeiro Casa do Redondo

16h00 – Oficina Artesanal | Posto de Turismo - Trabalhos artesanais em feltro, realizados in loco pelos utentes do Centro de Dia de Marialva

19h30 - Os Sabores da Dama | Posto de Turismo - Javali Guisado na Panela de Ferro
Jantar comunitário, no Centro Histórico, sujeito a pré-inscrição.

21h30 – Mari Alva - Dama Pés de Cabra | Teatro | Castelo
- Encenação da Lenda Maria Alva Pés de Cabra
com atores locais da Academia Sénior de Mêda e Gentes de Marialva.

22h30 – Concerto de Orquestra em formato Sinfónica, Sopros e Cordas, inserido no Estágio de Orquestra de Mêda 2018
Local: Largo Igreja de S. Pedro - Centro de Formação Musical de Mêda

Domingo, dia 22 de julho

10h30 – Oficina de Saberes e Sabores | Devesa | Junta de Freguesia - Galo na Panela de Ferro
Oficina Gastronómica dinamizada por habitantes locais, sujeita a pré-inscrição, no máximo de 15 participantes, com o almoço dos participantes, no final.

15h00 – Mercadinho do Marquês | Largo da Igreja de S. Pedro
Mostra e venda de produtos regionais com produtores e comerciantes locais - Provas Comentadas e conjugação de sabores

15h30 – As voltas do Marquês | Posto de Turismo - Visitas encenadas pela Aldeia, alusivas ao período áureo do Marquesado de Marialva – Séculos XVII e XVIII

16h30 – Oficina Equestre no Largo de S. Pedro
- O Marquês e a Mui Nobre Arte de Cavalgar
Palestra sobre a “Arte de Cavalgar”, relembrando a forte ligação do Marquês de Marialva com a arte equestre.

17h30 – As voltas do Marquês
- Visitas encenadas pela Aldeia
Repetição da atividade das 15h30

19h00 – Música de Câmara |Concerto Comentado | Igreja de S. Pedro
- Pela História da Música de Câmara – Do Renascimento ao Contemporâneo
Um concerto com comentários do maestro Cláudio Ferreira, para relembrar o percurso da musica de câmara, do renascimento ao contemporâneo. Os músicos serão maioritariamente alunos participantes no estágio de orquestra.

Depois de Marialva, o ciclo “12 em Rede | Aldeias em Festa” prossegue com eventos nas restantes Aldeias Históricas de Portugal. A próxima é em Castelo Novo (27 a 29 de julho), depois Castelo Rodrigo (31 de agosto e 1 de setembro), Castelo Mendo (14 e 15 de setembro), Trancoso (5 a 7 de outubro), Idanha-a-Velha (1 a 4 de novembro), Monsanto (9 a 11 de novembro) e Belmonte (7 a 9 de dezembro).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.