"Não há 'portas' para a criação, não há barreiras à criatividade"

O restaurante Sem Porta, consultado pelo chefe Ljubomir Stanisic, que ganhou ainda mais mediatismo após a participação no programa televisivo de grande sucesso 'Pesadelo na Cozinha', fica entre a Comporta e Grândola, perto da N261-1, mas quis a força da moda que este espaço pertencesse à Comporta, integrado no hotel Sublime. Daí até ao nome final foi um jogo de palavras que resultou num bom conceito.

Sem Porta para não existir barreiras na criatividade na cozinha, na seleção do cliente ou no enquadramento do lugar onde comemos, até porque somos rodeados por vidros que deixam observar desimpedidamente para o nada de lá fora. Vemos quartos, villas e suites, ao mesmo tempo que vemos um nada que nos acalma e convida a ficar mais um pouco. Mais cinco minutos para pedir a sobremesa, mais dez para pedir o café de cápsulas. Depois de passar a porta do Sem Porta damos de frente com o bar de medidas quadradas e um sofá com lareira. O serviço é pronto e atencioso, dando sempre um pouco mais do que um funcionário deve dar, mas sem ser intrusivo.

Restaurante Sem Porta, no hotel Sublime
créditos: Volto JÁ

À mesa, Stanisic preocupou-se em destacar os produtos e produtores locais, assim como os sabores do Alentejo e também os de Portugal. Aqui entramos um pouco no quotidiano alentejano, tudo a um ritmo calmo. A carta é curta (variando entre o almoço e o jantar) e os pratos são simples, mas naturalmente saborosos. Uma massa tagliatelle com tomate e  manjericão pode parecer pouco, mas a dúvida mede-se apenas entre o tempo do prato até à nossa boca. O chefe Ljubomir não enganou, aqui sente-se o sabor dos produtos frescos. Na sobremesa também não há margem para grandes manobras da pastelaria, o sabor e a textura da tarte de limão permanece ainda hoje na nossa memória. O café e o digestivo podem ser pedidos na esplanada, ao lado da piscina exterior, onde também há cocktails e refeições ligeiras.

Tarte de Limão no restaurante Sem Porta
créditos: Volto JÁ

Infelizmente o nosso programa, previamente agendado, não nos deixou ficar hospedados no hotel Sublime Comporta, mesmo ao lado, mas descobrimos que dispõe de uma versão moderna das típicas “Cabanas da Comporta”, com 2, 3 e 5 quartos, todas com piscina privada, lareira interior/exterior e terraços.

O SPA é, sem surpresas, um lugar calmo e simples, onde destacamos a sala de tratamento para casais, contando ainda com sauna, banho turco, piscina interior aquecida e um ginásio.

Preço médio de refeição ao almoço: 25€ pp

Preço médio de refeição ao jantar: 60€ pp

Preço médio de quarto: 250€ por noite


O Volto JÁ foi voluntariamente até este espaço e pagou a totalidade das despesas

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.