Nem todos os países estão preparados para receber quem vem de fora, seja durante uma semana ou seja para residir de forma permanente. Por este facto, a InterNations, plataforma online destinada a cidadãos que vivem fora do seu país, mostra quais são as melhores cidades para os expatriados viverem.

Embora a lista seja a pensar em quem procura um novo lugar para viver, acaba por também oferecer boas sugestões para uma city break ou uma viagem mais longa - são cidades com abertura, com uma atitude positiva por parte da população local e, claro, com trabalhadores satisfeitos.

Melbourne, Houston e Madrid encabeçam a lista das melhores cidades para emigrantes viverem da InterNations. Para além da capital espanhola, existem outras cidades europeias entre as melhores para os estrangeiros viverem: Dusseldorf, Viena, Munique, Barcelona, Basileira, Frankfurt, Geneva, Berlim e Zurique.

Veja aqui as 17 melhores cidades para se viver de acordo com a opinião de emigrantes:

1. Melbourne, Austrália

2. Houston, Estados Unidos da Améria

3. Madrid, Espanha

4. Dusseldorf, Alemanha

5. Singapura

6. Viena, Áustria

7. Munique, Alemanha

8. Sydney, Austrália

9. Cidade do México, México

10. Toronto, Canadá

11. Barcelona, Espanha

12. Basileia, Suíça

13. Frankfurt, Alemanha

14. Genebra, Suiça

15. Berlim, Alemanha

16. Zurique, Suiça.

17. Nova Iorque, Estados Unidos da América

Estas conclusões, publicadas pelo site Business Insider, resultam do terceiro inquérito anual da InterNations Expat Insider 2016. No total, a plataforma questionou 14.000 expatriados que tiveram que classificar vários elementos, como perspectiva de carreira, qualidade de vida, atitude da população local, horas de trabalho e clima.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.