eDreams quis saber como os viajantes se sentem em relação a uma das grandes tendências do momento: o solo travelling (viajar sozinho). A esmagadora maioria dos inquiridos portugueses (86%) afirma que continua a preferir viajar acompanhado e apenas 4% prefere viajar a sós. Para os restantes 10%, ter ou não companhia é indiferente.

O estudo também foi realizado na Alemanha, Espanha, França, Itália, Reino Unido e Suécia, mas Portugal destaca-se por ser o país com a menor percentagem (4%) de indivíduos que prefeririam viajar sós.

Embora não sendo muito adeptos do solo travelling, o que faria os portugueses viajarem sozinhos? A maior percentagem dos inquiridos, indica a falta de disponibilidade dos seus conhecidos como a principal razão, mas também a liberdade total para fazer o que quiserem, a possibilidade de experimentar um tipo de viagem diferente, a oportunidade de se conhecerem melhor a si mesmos e a novas pessoas.

Portugal e Espanha foram os únicos países a indicarem a falta de disponibilidade dos amigos e da família como a principal razão para viajar a solo, em todos os outros países, o que pesa mais é poderem ter liberdade para aproveitar as suas férias como quiserem, sem depender de ninguém.

A eDreams quis descobrir qual seria, na opinião dos inquiridos, a melhor idade para se aventurarem numa viagem sozinhos e, nesse ponto, todos os países foram unânimes: a faixa etária dos 25 aos 34 anos parece ser a melhor altura da vida para aproveitar o solo travel. O estudo foi conduzido pela OnePoll para a eDreams. Em Portugal foram inquiridos 1000 adultos que tivessem viajado de avião nos últimos 2 anos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.