A Lagoa dos Salgados é considerada património regional do Algarve, a zona tem um grande interesse científico ao nível geológico e biológico, não só pela sua capacidade de albergar uma grande e variada quantidade de espécies de aves, mas também pela sua riqueza em flora.

Separada do mar por uma vasta área de dunas, a Lagoa é acompanhada a Sul por um longo passadiço de madeira, foi este o ponto de partida da nossa caminhada.

Saímos do hotel e fizemos o percurso de ida pelo passadiço, sempre rodeados de uma fauna e flora impressionantes, um paraíso para os amantes do “bird-watching” – razão pela qual a Lagoa dos Salgados é reconhecida internacionalmente como um posto de observação importante, devido à grande variedade de aves numa pequena área que pode ser percorrida num par de horas.

Sendo uma zona importante para aves é um local onde se pode observar, entre outras, a Águia-sapeira, a Garça-vermelha, a Pêrra, a Perdiz-do-mar, o Chapim-de-mascarilha ou o Pisco-de-peito-azul.

Optámos por fazer apenas o trilho da Lagoa dos Salgados (trilho nascente que é comporto pelo cordão dunar, lagoa dos salgados e zona húmida dos salgados) são cerca de três quilómetros, fizemos a caminhada de volta pelo extenso areal da praia, estava maré baixa e quando assim é não resistimos a uma caminhada à beira mar!

Fizemos o passeio ao inicio da manhã, mas queremos voltar para fazer o percurso completo ao final do dia, são 10 quilómetros. entre a Lagoa dos Salgados e a Praia Grande de Armação de Pêra

Se gostaram deste artigo, partilhem!

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.