Visitar o Coliseu de Roma à noite é uma experiência que não vai querer perder. As excursões duram 75 minutos e permitem aos visitantes explorarem a arena e a zona subterrânea onde os gladiadores esperavam antes de entrarem em cena.

Os bilhetes custam 18 euros, mais seis euros do que as visitas diurnas, mas têm as suas vantagens. Os turistas evitam as filas e podem visitar zonas que não estão incluídas nos bilhetes de dia, como o acesso ao hipogeu (monumento funerário subterrâneo).

Entre junho a setembro estas visitas estarão disponíveis todos os dias da semana. Existem algumas excepções, como terças e domingos em abril, maio e outubro; sextas e sábados em novembro e sábados em março e dezembro.

Há dois horários para as entradas, às 20h e às 23h, e as visitas são feitas em três idiomas, inglês, espanhol e italiano.

O Coliseu de Roma é o maior anfiteatro já construído e podia acolher entre 50 a 80 mil espectadores. O edifício era usado para combates de gladiadores e espetáculos públicos, como simulação de batalhas marítimas, caças de animais selvagens, execuções, entre outros.

O monumento é uma das sete maravilhas do mundo e embora tenha sido parcialmente destruído, o Coliseu é ainda um símbolo da Roma Imperial.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.