A partir de maio de 2021 a empresa OceanGate Expeditions vai proporcionar ao público uma experiência única a bordo do seu submarino Titan. As pessoas aceites para participar nas expedições - chamados de “especialistas em missões” - não vão apenas ver o local histórico, mas também participar na exploração.

Os turistas serão “treinados como tripulantes e desempenharão funções práticas” enquanto os especialistas vão trabalhar para criar um “modelo 3D virtual fotorrealístico” dos destroços com varreduras a laser e vídeo 4K, de acordo com OceanGate.

Serão aprovados até nove turistas para participarem em cada missão. No entanto, terão de pagar um preço alto para participar: 125 mil dólares (cerca de 100 mil euros). O valor incluí a “Taxa de Treino e Suporte para a Missão” para a Expedição do Titanic Survey.

Há seis expedições programadas para o verão de 2021, do final de maio até meados de julho. Outro conjunto de expedições acontecerá no verão de 2022, de acordo com o OceanGate.

Em declarações à Bloomberg, Stockton Rush, presidente da OceanGate Expeditions, disse que cerca de 18 pessoas já fizeram as suas reservas para as seis primeiras expedições, mas ainda há espaço para mais. Rush também sublinhou que as expedições serão a primeira vez que as pessoas verão o Titanic em 15 anos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.