José Gil, da S.A. Marionetes, tem andado nos últimos meses entre Portugal e Espanha a preparar atuações do Lúmen, “um espetáculo sem palavras.

Lúmen
©SA Marionetas

Construímos uma história que vive apenas dos movimentos das marionetas, com a ajuda de luz. Por vezes com videomapping, mas pouco. O centro do espetáculo são as marionetas gigantes.”

Lúmen
©SA Marionetas

As marionetas têm cinco metros de altura e os movimentos articulados, a expressão que transmitem, dão imensa graciosidade e ternura. Como os espetáculos são à noite, os bonecos irradiam luz e concentram toda a atenção.

Lúmen
l ©SA Marionetas créditos: Márcia Bellotti ©2017

Houve uma preocupação estética muito grande em criar objetos cénicos que fossem mesmo muito bonitos para quem os vê de repente.”

Uma opinião que, no testemunho de José Gil, é partilhada pelo público em várias geografias: “a primeira reação é de espanto, surpresa.

Lúmen
Ensaios em Vila Real

Há muitos espetáculos com figuras gigantes, mas existem muito poucos com este tipo de apresentação, de visual. A luz irradia dentro deles e não há mais luz nenhuma. O que faz com que praticamente não existam estruturas cénicas.

Lúmen
Espetáculo em Vila Real ©SA Marionetas

Há um castelo, um palácio... que serve de cenário de fundo. Para que as pessoas possam disfrutar do espetáculo e se concentrem essencialmente nas marionetas.”

Lúmen
©SA Marionetas créditos: Márcia Bellotti ©2017

A ternura e a graciosidade transmitida pelos bonecos está associada ao enredo. “É uma história de amor, entre dois seres que se encontram, que se apaixonam, dançam e também se zangam. Em paralelo, há uma outra história que gostamos de transmitir que é a passagem de energia, conhecimento, simbolizada através da luz.

É, por isso, que os portadores de luz levam a luz, criam a mulher e, no final, a mulher entrega a luz a uma criança e a luz é espalhada. Para dar origem a um novo ciclo.”

Lúmen

A S.A. Marionetas, uma companhia com sede em Alcobaça e que vai fazer 45 anos, aposta no Lúmen como um projeto de teatro comunitário.

Segundo José Gil, o Lúmen “é um espetáculo feito pela comunidade e não por profissionais. Há uma orientação na fase anterior, mas é o cidadão comum que está a manipular objetos de cinco metros, com uma grande responsabilidade. Normalmente nenhum marionetista da SA Marionetas ou orientadores que convidamos tocam nos bonecos.”

Lúmen

A S.A. Marionetas destaca cerca de 60 pessoas para cada produção do Lúmen. Depois de atuações recentes em Espanha, esta noite é em Bragança. Dia 12 de agosto é em Espinho.

Lúmen
créditos: Márcia Bellotti ©2017

Lúmen - uma história de amor entre marionetas gigantes que irradiam luz  faz parte do programa da Antena1 Vou Ali e Já Venho e a emissão deste episódio pode ouvir aqui.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.