O Essência Festival apresenta uma programação ímpar, que inclui concertos e atuações de dj’s, show cooking e workshops de cozinha por 13 chefes, banquetes, restaurantes e food trucks, degustações de vinhos, cervejas e espirituosos, bem como oficinas de entretenimento para crianças.

Dia 1 de julho, sexta-feira, as portas abrem-se pelas 18h. Ao final da tarde, Adélia Carvalho inaugura as sessões “Hora do Conto” que será repetido, sempre com contos diferentes, nas tardes de sábado e domingo. Em “Mãos na Massa”, Cristina Manso Preto convida os participantes a ajudarem na confecção de receitas e, no “Wine Deck”, espaço da Martins Wine Advisor e da Vinha.pt, estão disponíveis cocktails e uma oferta exclusiva de vinhos raros de países europeus e do chamado Novo Mundo. Ao entardecer, as sessões “Party Club” propõem contemplarmos o por do sol ao ritmo de dj’s e finger food harmonizada com Vinhos Verdes, explicados de fio a pavio pelos especialistas da Revista de Vinhos.

A encerrar o primeiro dia, todos são convidados para a Concha Acústica do Palácio de Cristal. O palco será dos Cais do Sodré Funk Connection, a partir das 22h.

Dia 2 de julho, sábado, o evento inicia-se pelas 12h. Já com lotação esgotada, Tsuyoshi Murakami  é o chefe convidado para a realização do primeiro “Banquete”, almoço exclusivo de cozinha de autor também com o apoio de Elton GuenkaJosimar Félix e Paulo César, do Tokkotai Porto, e harmonizado com vinhos da Região de Lisboa. Um segundo banquete será realizado no domingo, também ao almoço e com o mesmo formato.

Depois de a “Hora do Conto”, estreia a “Oficina da Ilustração”, onde Cátia Vidinhas desafia os mais novos a “Desenhar um Rótulo”. João Cura, do portuense Almeja  e João Pupo Lameiras, dos também portuenses Muro do Bacalhau e Ro, são os chefes convidados em sessões de show cooking que apresentam a criatividade da chamada cozinha de autor. Outro chefe, Rogério Ferreira, usa um novo produto para propor uma receita de eleição.

O final da tarde volta a ter “Party Club” e no “Wine Deck” o dj Nandinho e o sommelier Rodolfo Tristão prometem surpreender com cocktails e momentos de descodificação de linguagem de vinhos.  Do lado dos concertos, sábado a dose é dupla. O intimismo da Rua das Pretas sobe à Concha Acústica pelas 16h30 e a noite termina com as boas vibrações e o funk enérgico de Da Chick.

No domingo o festival abre às 12h e prolonga-se até às 21h. Depois do segundo “Banquete”, as crianças são convidadas a ouvir o conto “A Raposa e as Uvas”, seguindo-se a “Oficina de Ilustração”, com Anabela Dias a propor estampar um saco para pão. Maria Loureiro, da Escola Profissional de Esposende, dá sabor e texturas a um produto de primeira linha e o chefe Renato Cunha protagoniza o terceiro show cooking do festival. O Concurso Mundial de Bruxelas entrega prémios aos grandes vencedores portugueses da mais recente edição da competição e os Cassete Pirata têm a Concha Acústica garantida pelas 16h30.

Em permanência no decorrer do festival estarão quatro restaurantes com dezenas de propostas gastronómicas e mais de 100 marcas com produtos tão distintos e complementares quanto vinhos, cervejas, espirituosos e café.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.