Uma Golden Retriever chamada Kimi destruiu o passaporte da sua dona pouco antes do seu voo de Taiwan para Wuhan e esse ato pode tê-la protegido, já que a cidade é o epicentro do coronavírus que já infectou mais de 4 mil pessoas.

Quando partilhou a história pela primeira vez no Facebook, a dona de Kimi estava irritada com a atitude da cadela, por esta lhe ter destruído o passaporte e acabado com os planos de viagem.

No entanto, após as notícias sobre o vírus, a opinião sobre a atitude de Kimi mudou e a sua dona considerou que o animal a estava a proteger de aterrar no epicentro do coronavírus. Assim que percebeu o que tinha acontecido, a mulher fez uma nova publicação no Facebook.

"Lembram-se do passaporte? Throwback: esta pequena está realmente a proteger-me. Depois do meu passaporte ter sido rasgado, o vírus começou a ir para onde eu planeava ir. Eu penso nisso agora, e é muito emocionante", escreveu mais tarde no Facebook, reconhecendo que a destruição do passaporte foi a melhor coisa que podia ter acontecido.

A publicação acabou por se tornar viral e a dona de Kimi não poupa nos agradecimentos à companheira de quatro patas. "Obrigada por me protegeres outra vez. Sou tão sortuda por te ter na minha vida", escreveu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.