No Dia da Terra, celebrado a 22 de abril, a Booking.com divulgou os resultados de seu relatório anual de viagens sustentáveis.

A pesquisa revela que quase três quartos (72%) dos viajantes acredita que é preciso agir agora e fazer escolhas de viagem sustentáveis para salvar o planeta para as gerações futuras. Embora os resultados tenham sido relativamente consistentes ao longo das idades, quase três quartos (74%) dos viajantes entre os 46 e 55 anos acreditam que é necessário tomar uma atitude, seguidos pela geração milénio com 71%.

As opiniões expressas pelos participantes do estudo estão em linha com o relatório especial que o Painel Intergovernamental da ONU sobre Mudanças Climáticas (IPCC) emitiu em 2018, que afirma que o mundo tem pouco mais de uma década para restringir o aquecimento global a 1,5°C acima dos pré-níveis industriais, além dos quais o risco de inundações, secas e calor extremo piorará significativamente.

Estadias sustentáveis

As estadias sustentáveis ​​estão a crescer em popularidade, com quase três quartos (73%) dos viajantes globais a manifestar o interesse em permanecer pelo menos uma vez numa acomodação ecológica no decorrer deste ano. Este é o quarto ano consecutivo que a Booking.com regista um aumento no interesse neste tipo de acomodação - de 62% em 2016 para 65% em 2017 e 68% em 2018. Além disso, 70% dos viajantes revelou que seria provável reservar uma acomodação sustentável independentemente de estarem à procura de um alojamento ecológico ou não.

Crowne Plaza Copenhagen Towers
Crowne Plaza Copenhagen Towers créditos: Booking.com

No entanto, quando se trata de reconhecer um lugar sustentável para ficar, quase três quartos (72%) dos viajantes globais dizem não saber da existência de rótulos ecológicos para acomodações de férias, enquanto mais de um terço (37%) afirma que um padrão internacional para identificar acomodações ecológicas ajudaria a incentivá-los a viajar de forma mais sustentável, e 62% iria sentir-se melhor ao permanecer num alojamento se soubesse que tinha um rótulo ecológico.

Obstáculos a uma viagem mais sustentável

Apesar das boas intenções, nem tudo é claro e fácil para quem quer fazer uma viagem sustentável. O relatório também expõe as barreiras comuns que os viajantes enfrentam ao fazer escolhas de viagens sustentáveis:

- 37% manifestou não saber como fazer a sua viagem mais sustentável.

- 34% diz que apesar de ter consciência das opções para uma viagem mais sustentável, outras opções parecem ser mais apelativas.

- 36% revelou que não tem budget para suportar os extras de uma viagem mais sustentável.

As empresas de viagens têm aqui um papel importante a desempenhar aos olhos dos viajantes: 71% dos viajantes acham que as empresas de viagens devem oferecer aos consumidores opções de viagem mais sustentáveis. Por outro lado, quase metade (46%) dos viajantes globais reconhece que acham mais difícil fazer escolhas sustentáveis enquanto estão de férias do que na vida quotidiana. Quase um terço (31%) dos viajantes globais admitem que as suas férias são um momento especial durante o qual não querem pensar em sustentabilidade.

Os resultados da pesquisa também indicaram que os viajantes seriam mais encorajados a viajar de forma sustentável se houvesse incentivos económicos oferecidos, como incentivos fiscais, ao escolher opções ecológicas (46%).

bicicletas cidade
créditos: Booking.com

Quando se trata de experiências no destino, mais da metade (52%) dos viajantes globais dizem que agora alteram os comportamentos para serem mais sustentáveis ​​enquanto viajam, como caminhar, andar de bicicleta ou fazer caminhadas sempre que possível. Além disso, 68% gostariam que o dinheiro gasto na viagem fosse para a comunidade local. Da mesma forma, quase três quartos (72%) dos viajantes globais procuram experiências autênticas representativas da cultura local, enquanto dois em cada cinco (41%) solicitam que as empresas de viagem ofereçam dicas sobre como ser mais sustentável durante a viagem e 56% dos entrevistados dizem que, se houvesse uma opção para compensar a pegada de carbono nas suas acomodações de férias, que o fariam.

"Este é o quarto ano consecutivo em que a Booking.com encomendou o seu relatório de viagens sustentáveis ​​e é animador ver as motivações e intenções de viagens sustentáveis ​​entre os viajantes, embora esteja claro que os desafios complexos continuam a existir quando se trata de realizá-los totalmente", diz Pepijn Rijvers, Vice-Presidente e Responsável de Acomodação da Booking.com.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.