O Crowne Plaza Porto instalou em todos os quartos da unidade chuveiros de forma a otimizar o consumo da água, segundo um comunicado.

No Crowne Plaza Porto há muito que a prática de medidas ambientais sustentáveis se sentam à mesa com os hóspedes e a pegada ecológica se alia ao conforto e bem-estar.

A unidade do grupo IHG, levando avante a política de otimização e racionalização de consumos, realizou um importante investimento na substituição de todos os chuveiros de mão das instalações sanitárias.

Já ouviu falar do “Efeito Venturi”? Foi nesta tecnologia que o Crowne Plaza Porto se centrou para obter um consumo racional de água.

Entrando em pormenores, o “Efeito Venturi” permite “volumizar” e “oxigenar” a água através da sua mistura com o ar, aumentando, desta forma, a pressão e a velocidade da mesma à saída do chuveiro. Assim, é atenuado o efeito de redução do caudal, que leva, não só, à redução direta do consumo de água como também à diminuição do consumo de energia usado no sistema de produção de água quente.

Para Vincent Poulingue, Diretor-Geral do Crowne Plaza Porto, “o investimento em medidas ambientais sustentáveis é fulcral para ajudar a salvar o planeta, uma vez que vivemos num período em que todos somos afetados pelas alterações climáticas. Por isso queremos dar o nosso contributo e apostar em medidas que garantam a sustentabilidade ambiental”.

De salientar que no ano passado, a unidade hoteleira aderiu à Plastic Straw Initiative, abolindo o uso de palhinhas de plástico, tendo sido substituídas por palhinhas ecológicas, feitas de papel reciclado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.