Há cada vez mais pessoas a procurar conciliar o trabalho com as viagens e muitos países estão a facilitar o pedido de vistos para atrair visitantes de forma a apoiar as suas economias que acabaram por ser muito afetadas pela pandemia do novo coronavírus. Com esta medida, os países esperam que os trabalhadores remotos contribuam para as economias dos lugares onde estão instalados sem “roubarem” emprego aos habitantes permanentes.

Descubra alguns dos países que com programas especiais para trabalhadores remotos e que não se ia importar de instalar o seu escritório:

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.