Guillaume Legros, mais conhecido como Saype no meio artístico, faz pinturas em relva desde 2015, numa espécie de fusão entre arte urbana e Land Art (tipo de arte em que a natureza é a própria tela).

Os materiais usados para a pintura derivam de produtos naturais como carvão e giz, sendo a sua permanência temporária, para que o impacto na natureza seja o menor possível, fazendo desta um tipo de arte efémera.

Apaixonado por filosofia e pela natureza humana, Saype retrata quase sempre temas que convidam à reflexão sobre o papel do Homem no mundo e na sociedade, motivo porque escolheu a atual crise global como pano de fundo para o seu trabalho.

Segundou revelou na sua página de Instagram, foi esta a forma que encontrou de passar uma mensagem de positivismo e esperança, acreditando que venceremos a Covid-19, sem esquecer que apenas juntando esforços seremos mais fortes.

"Beyond Crisis" (Além da Crise) é o título desta pintura em que vemos um círculo de pessoas de mãos dadas com destaque para uma menina que olha o horizonte.

Segundo o artista, o círculo de pessoas simboliza a forma do vírus e as mãos unidas, a necessidade de, mais do que nunca, olharmos juntos para o futuro.

Na impossibilidade de viajarmos até aos Alpes para a vermos ao vivo, vale a pena ver as fotografias desta obra e acreditar que "Além da Crise" há um mundo melhor.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.