Depois de ser vista por milhões de pessoas e de se tornar num fenómeno mundial, La Casa de Papel despede-se do público no próximo dia 3 de dezembro com o lançamento da parte final da sua quinta e última temporada. Os personagens e lugares mais emblemáticos da série ficarão para sempre marcados na história da televisão (ou do streaming).

À boleia da Civitatis, identificamos os lugares emblemáticos desta produção espanhola que podem servir de inspiração para planear uma pequena volta ao mundo. Através desta lista, vai relembrar momentos chaves da série e seguir os passos do Professor, Tóquio, Denver, Berlim e companhia - descobrirá ainda algumas curiosidades sobre os cenários. É que, por vezes, nem tudo é o que parece.

Onde tudo começou: a Fábrica Nacional da Moeda (Madrid, Espanha)

Provavelmente o lugar mais emblemático de toda a série é a Fábrica Nacional da Moeda, onde o grupo fez o seu primeiro grande assalto. No entanto, devido a questões logísticas e de produção, as cenas das duas primeiras temporadas não foram gravadas lá, mas sim no Conselho Superior de Administração, localizado no bairro de Salamanca, também em Madrid.

Callao
créditos: Sean Pavone/Shutterstock

O telhado perigoso (Madrid, Espanha)

A terceira temporada da série espanhola teve um começo intenso, com um dirigível que disparava notas de 50 euros às pessoas que por lá passeavam. Esta cena foi filmada em Callao, no centro de Madrid.

A casa onde o golpe foi planeado (Torrelodones, Madrid, Espanha)

A casa onde foi planeado o primeiro assalto à Fábrica Nacional da Moeda é a Finca del Gasco, localizada no Parque Regional do curso médio do rio Guadarrama, na cidade de Torrelodones, em Madrid. Foi exatamente por lá que o grupo recebeu o treino do Professor durante meses. O espaço, na realidade, organiza eventos como casamentos e jantares.

Um dos momentos mais complicados para o Professor (San Martín de la Vega, Madrid, Espanha)

Num dos primeiros episódios da série criada por Álex Pina, o Professor tem graves problemas para resolver: precisa de remover as impressões digitais de um dos assaltantes de um carro estacionado em San Martín de la Vega, uma cidade perto de Madrid, onde algumas das cenas foram filmadas. Em San Martín também se encontra o Parque Warner de Madrid, que é o seu ponto turístico mais popular.

O Banco de Espanha, o novo alvo do grupo (Madrid, Espanha)

As três últimas temporadas da série centram-se num novo assalto orquestrado pelo grupo. Desta vez, tentam esvaziar as reservas de ouro do Banco de Espanha. À semelhança do que ocorreu com a Fábrica Nacional da Moeda, as cenas exteriores não foram filmadas no local mas nas proximidades do Ministério das Obras Públicas, no Paseo de la Castellana de Madrid.

banco de espanha
créditos: Hans C. Schrodter/Shutterstock

A nova vida de Rio e de Tóquio no Panamá

O primeiro episódio da terceira temporada abre com uma cena que mostra como Rio e Tóquio finalmente conseguiram o seu paraíso tropical. A cena romântica foi filmada no Panamá, especificamente no belo arquipélago de San Blas.

Em teoria, as Filipinas, mas, na realidade, Tailândia

Também, no início da terceira temporada, fomos apresentados à nova vida do Professor e de Raquel nas Filipinas. No entanto, vários problemas burocráticos fizeram com que as cenas fossem gravadas na costa da Tailândia. Patong, Phuket e Pattaya foram os locais escolhidos para recriar a ilha filipina de Palawan.

A dolce vita do Professor e Berlim em Florença 

A Itália também faz parte da Casa de Papel. Podemos ver o Professor a viver na cidade de Florença, passando por lugares espetaculares como a Piazza del Duomo, a Piazza della Signoria ou o miradouro da Piazzale Michelangelo, desfrutando da melhor vista panorâmica da capital toscana. O mosteiro de Pratovecchio di Arezzo, perto de Florença, é mencionado na série, mas também tem um truque. Na verdade, as cenas monásticas foram filmadas em San Frutto, uma pequena aldeia na capital da Toscana.

A Dinamarca e os flashbacks de Berlim

A primeira parte da quinta e última temporada da série fez uma grande mudança de cenário para mostrar a vida passada de Berlim e do seu filho, interpretado por Patrick Criado. Pai e filho encontram-se em Copenhaga e passam por lugares como o canal de Nyhavn e os Jardins de Tivoli. Também planeiam um grande golpe no Castelo de Frederiksborg, nas imediações da capital dinamarquesa.

Fã da sétima arte? Descubra 12 filmes sobre viagens para ver na Netflix:

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.