Este é a segunda "acqua alta" mais importante registada em Veneza desde 1923, após a de 4 de novembro de 1966 (1,94 metro). Uma maré de magnitude excepcional de 1,87 metro atingiu a cidade das gôndolas e dos canais na terça-feira, surpreendendo os turistas que percorriam as ruas inundadas, enquanto um poderoso Sirocco (vento) lançava ondas na Praça São Marcos.

Pode não ser a experiência mais agradável para quem está no lugar, mas estas fotografias fazem reconhecer que até debaixo d'água Veneza tem muito encanto. Percorra a galeria de imagens e veja.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.