Um voo da Aer Lingus estava a afastar-se do seu portão, na noite de 24 de agosto, quando um trabalhador foi apanhado “debaixo de um avião em movimento”, segundo o Philadelphia Inquirer.

O homem ferido - que foi internado num hospital local em estado crítico - foi contratado por outra empresa de assistência em terra, a Dnata, de Dubai. De acordo com relatos locais, a tripulação do terreno manuseou o avião durante o recuo.

Detalhes sobre o incidente ainda são vagos. Dnata não explicou que tipo de trabalho o homem estava a fazer quando foi ferido nem como ocorreu o acidente. "Uma investigação formal está a ser realizada para determinar os factos e vamos continuar a trabalhar com as autoridades competentes", disse um porta-voz da Dnata em um comunicado.

Apesar de ser atropelado por um avião ser incrivelmente incomum, não é inédito. Ao longo de um estudo de 22 anos, o NTSB registrou 80 acidentes, envolvendo 98 trabalhadores e 21 vítimas fatais. Dois terços desses acidentes ocorreram enquanto o avião partia do portão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.