O navio de cruzeiro ‘Mein Schiff Herz' aportou no porto da cidade do Funchal para este primeiro movimento de ‘turnaround' (navios com partida e chegada ao Funchal, e não apenas a fazer escala), tendo sido desembarcados 1.163 passageiros e embarcados 1.344 de acordo com os dados da APRAM.

Para o efeito, o aeroporto da Madeira recebeu hoje um total de 10 voos provenientes de vários destinos, que permitiram fazer este movimento com sucesso.

O primeiro ‘turnaround' esteve inicialmente programado para o dia 05 de dezembro, mas o mau tempo que assolou a região acabou por cancelar a operação.

O navio veio das ilhas Canárias, em Espanha, para onde vai voltar.

Até março de 2020 deverão acontecer mais quatro movimentos deste tipo.

Esta operação estava concertada com a chegada de voos diretos do mercado alemão, às quintas-feiras, embora pudessem existir passageiros que chegariam individualmente e que poderiam ficar na Madeira uns dias, antes do embarque ou após o desembarque.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.