Segundo as autoridades brasileiras, o petróleo é proveniente da Venezuela e foi derramado por um navio de pavilhão grego que pertence à empresa Delta Tankers, que nega a acusação e alega que não há vestígios de fuga no petroleiro.

Entre as cinco ilhas no parque de Abrolhos está Santa Bárbara, que contem os maiores recifes de coral do Brasil, por enquanto ilesos.

O derrame, que aconteceu há cerca de dois meses, afetou 2.100 quilómetros da costa brasileira, prejudicando a pesca e o turismo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.