Mirandela e Valpaços desenvolveram e implementaram o projeto Caminho Português de Santiago do Este, integrando assim estes concelhos na rede internacional de itinerários do Caminho de Santiago, num investimento de cerca de 250 mil euros, comparticipado em 85% pelo FEDER (Fundo
Europeu de Desenvolvimento Regional).

O troço tem no total  59,2 km — 31,7 km no concelho de Mirandela e 27,5 km no
concelho de Valpaços — e vai estabelecer a ligação de Mirandela e Valpaços ao Caminho Português Interior de Santiago, em Chaves, que por sua vez conduzirá os peregrinos até Santiago de Compostela, na Galiza, em Espanha,.

A implementação deste projeto traduz-se numa melhoria da oferta turística e no incremento
dos fluxos turísticos para os municípios e para a região transmontana, estimando-se que anualmente, segundo o comunicado,  possam cruzar os dois concelhos cerca de 5 mil peregrinos.

Sexta-feira, dia 27 de maio, realiza-se, no Centro Cultural de Mirandela, a Conferência
Internacional do Caminho de Santiago do Este que pretende, além da apresentação formal do troço,
colocar a debate e avançar no conhecimento acerca das relações que se estabelecem entre o Caminho de
Santiago e as comunidades locais, a espiritualidade, o turismo, o património e a caminhada em segurança.

A 28 de maio terá lugar a caminhada inaugural entre Mirandela (aldeia de Valongo das Meadas),
passando pela praia fluvial de Miradeses/Rio Torto, terminando em Valpaços, cujas inscrições poderão
ser efetuadas no Posto de Turismo de Mirandela.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.