Os passeios virtuais tornaram-se em algo muito comum nos últimos tempos, devido à pandemia da covid-19. Podermos visitar qualquer destino ou lugar sem sairmos de casa foi o novo normal durante a quarentena e, provavelmente, para alguns irá prolongar-se durante o verão.

Por isso, esta oferta de emprego parece ser a ideal para quem já está "pro" em visitas virtuais. Uma empresa está disposta a pagar 1.000 dólares (cerca de 880 euros) para fazer viagens digitais à sua escolha. Sim, será pago para não sair de casa.

A empresa de viagens Upgraded Points está à procura de uma pessoa para testar as melhores visitas virtuais, ao experimentar 10 opções diferentes. Esta experiência vai permitir-lhe escolher entre uma lista de destinos e ter uma ideia de onde realmente gostaria de viajar um dia. Com o dinheiro ganho poderá investir numas férias a sério num futuro próximo.

O candidato ideal, segundo a empresa, tem de ter gosto pelas viagens e cultura. Interesse por explorar, arte e aventura, assim como ter contas ativas no Facebook e Twitter são outros dos requisitos.

Para se candidatar terá de ter mais de 18 anos, preencher uma ficha com informações genéricas sobre si, explicar porque gosta de viajar, o seu lugar favorito e porque seria o candidato ideal para esta posição. E, ainda, disponibilidade para fazer os 10 passeios virtuais até finais de julho.

O sortudo será escolhido a 30 de junho.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.