A companhia aérea com sede em Abu Dhabi fez parceria com artistas locais para transformar uma variedade de peças antigas do interior dos aviões em obras de arte que estão em exposição na sede da companhia aérea.

O projeto é "uma alternativa ecologicamente correta para lidar com o lixo", em vez de enviar as peças do avião antigo para o aterro, disse a Etihad Airways num comunicado à imprensa.

Os artistas usaram rolos de carpete e tecido ultrapassados, equipamentos de emergência, paredes laterais, janelas e assentos das classes económica e executiva para criar as suas obras.

Azza Al Qubaisi, nativa de Abu Dhabi, decidiu concentrar-se no uso dos trilhos de montagem dos assentos. Ao combinar as partes, foi possível criar uma formação geométrica simétrica. De acordo com a companhia aérea, isso pode ser colocado no chão ou suspenso no teto.

"Peças em fim de vida que eram destinadas a aterros sanitários foram reaproveitadas em bonitas instalações de arte por artistas habilidosos que usaram restos de aeronaves raras e indesejadas", disse Terry Daly, da Etihad Airways.

A Etihad não é a primeira companhia aérea a reclicar peças de aeronaves. No ano passado, a Lufthansa transformou peças do seu primeiro Airbus A320 em móveis para casa. Componentes das asas da aeronave foram reaproveitados como mesas de centro, enquanto as portas se tornaram bares.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.