O peixe e o marisco, como lagosta, camarão, mexilhão, são deliciosos e ocupam um local de destaque na gastronomia de Moçambique. E depois, há os temperos tradicionais da comida indiana que fazem as delícias de muitos paladares.

O Lumino é uma receita que demora horas a preparar. Os ingredientes são cacana (uma espécie de planta), embora por vezes possa ser feito com banana. E tem ainda tomate, cebolas, caril, coco e manga seca.

Há ainda o Nkhungo. Este é feito com insetos e é mais popular junto ao lago do Niassa. São misturados com coco, óleo e caril. Podem também ser fumados.

A Matapa é feita com cacana e couves e é cozida com leite de coco. Não convém beber álcool junto com este prato, já que o pode tornar mais amargo.

Tocassado é uma receita de peixe com tomate e cebola, mas o cozinheiro pode, ainda, juntar mangas secas ou folhas de embondeiro.

Os cajus estão, quase sempre, presentes na sobremesa, além de servir para fazer bebidas alcoólicas. Por fim, o famoso café do Ibo para terminar em beleza.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.