O 2017 Social Progress Index analisou 50 indicadores referentes à qualidade de vida de 128 países, entre 2014 e 2017. Indicadores esses que incluem três grandes categorias: Necessidades Básicas, Bem-Estar e Oportunidades. É o primeiro do género que enfatiza o desempenho social dos países, à parte dos fatores económicos.

O ranking permitiu também retirar algumas conclusões sobre o desempenho social dos países:
- O progresso social avançou a nível mundial, mas não suficientemente rápido e continua a não chegar a todos;
- Verificou-se que existe uma melhoria no acesso à informação e às comunicações;
- O acesso a uma educação mais tecnológica impulsionou o progresso social;
- Os direitos individuais, tolerância e inclusão são temas que emergiram nas sociedades a nível global;

No entanto, os países mais poderosos do mundo não conseguiram fazer progressos significativos, colocando em risco os objetivos do desenvolvimento sustentável.

Para a empresa que elaborou o ranking, esta é uma das análises mais profundas feitas até hoje.

No que diz respeito a Portugal, o nosso país surge na 20ª posição com uma pontuação geral de 85.4. Os pontos positivos do nosso país, e de acordo com as categorias analisadas no ranking, são o saneamento básico, nutrição e cuidados médicos básicos, acesso à informação, segurança e direitos humanos.

As categorias onde Portugal esteve menos bem dizem respeito ao acesso a uma educação mais "avançada", inclusão, liberdade pessoal e de escolha e bem-estar.

Eis o top 10 dos países com Melhor Qualidade de Vida em 2017:

1. Dinamarca: O país obteve as pontuações mais altas no que diz respeito ao saneamento básico.

2. Finlândia: Obteve as pontuações mais altas em Nutrição e Cuidados Médicos Básicos.

3. Islândia: A liberdade de expressão foi o tópico mais enaltecido.

4. Noruega: Considerado um dos países mais seguros do mundo.

5. Suíça: Bem colocado no que diz respeito ao meio ambiente.

6. Canadá: O país obteve uma boa classificação nas oportunidades de emprego.

7. Holanda: Tem uma das taxas mais baixas de homofobia.

8. Suécia: Tem das estradas mais seguras, com uma das taxas mais baixas de mortalidade do mundo.

9. Austrália: Liberdade religiosa e política foi o que mais se destacou neste país.

10. Nova Zelândia: Teve pontuação máxima (100) no que diz respeito às necessidades básicas.

Pode consultar o relatório completo na página 2017 Social Progress Index .

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.